Resenha: As bem resolvidas (?) Quem manda aqui sou eu

by - terça-feira, março 06, 2012

Olá galera!

Hoje trago mais uma resenha, agora de um autor nacional! Vamos conferir?

Dados de publicação:
Autor: Luís Eduardo Matta
Ano: 2011
Páginas: 200
Editora: Vermelho Marinho

Os livros dos autores nacionais contemporâneos tem me surpreendido muito, pela qualidade e temas trabalhados nos livros, e este não deixou por menos. As bem resolvidas (?) Quem manda aqui sou eu! Narra a estória de três amigas da alta sociedade carioca, Chris, Alê e Isa. As jovens têm tudo o que querem, estudam na melhor escola do Rio de Janeiro, dão as melhores festas, se vestem muito bem e não precisam se preocupar com dinheiro.

Alê é a que mais chama a atenção dos rapazes, porém ela já tem namorado, conhecido como PH, abreviação de Paulo Henrique.  Ele é chamado pelas amigas de Alê como sanfona, pois sempre terminam o namoro, mas logo voltam, então ficam nesse vai e vem. PH é muito ciumento, e a jovem sente-se sufocada com as atitudes do namorado. Até quando ela agüentará?
Isa é uma personagem meiga e se apaixona por Rogério, o menino novo da escola, ela fica encantada com o seu jeito meigo e tímido. Será que isso vai dar certo?  Chris é a que aparenta ser a mais segura entre as três amigas, e está no meio de toda as confusões.
As amigas têm uma grande inimiga, a Bu Campelho, a qual faz de tudo para atrapalhá-las e humilhá-las não medindo esforços para tal. Mesmo a Bu sendo irritante e ultrapassando os limites, a professora de Arte, Marta, parecia de alguma maneira favorecê-la, não a punindo pelas coisas que essa fazia com os outros. Essa proximidade estranha despertará a curiosidade de Alê, Isa e Chris, para saber o que realmente está acontecendo.
 Ao ler a estória, você percebe que questões mais fortes se fazem presente, como o bullying, tema que o autor trabalhou brilhantemente nesta narrativa. A briga entre as amigas e a Bu Campelho pode parecer engraçada, mas vemos que não é bem assim, pois as encrencas que estas se meteram extrapolaram os limites das brincadeiras, e o que vemos são atitudes que servem para alertar ao leitor com relação a esse tema.
Mesmo vivendo num mundo de pura luxuria, através das personagens vemos que este mundo não é tão perfeito, não é só com dinheiro que se vive feliz, percebemos que mesmo sendo ricas elas enfrentam problemas como todas as outras pessoas, não sendo tão bem resolvidas assim.
Outro tema que podemos trazer a partir das personagens Isa e PH, é a questão do limite do ciúme, fiquei com medo várias vezes no decorrer da leitura das atitudes de PH, do seu ciúme incontrolável e do que ele seria capaz de fazer. Com tanta coisa que vemos na TV, nos jornais, esse medo torna-se comum. Pois muitos namorados e namoradas não sabem seus limites, tem o outro como uma posse sua, e não é bem assim.
Além dessas questões que podem ser debatidas, há a presença do humor na narrativa, vários momentos me peguei rindo pelas situações e conversas dos personagens, o que descontraiu a estória.
O livro é de leitura fácil, que flui rapidamente, a fonte das letras e a cor das páginas fazem com que não nos cansemos durante a leitura, e a capa eu simplesmente amei, acredito que combine perfeitamente com as personagens. Outro detalhe com relação à diagramação é que em toda página ao lado do número  há o desenho de um sapatinho, e nos capítulos também, o que eu achei super charmoso.
É um livro que eu recomendo e muito, as últimas páginas me deixaram muito curiosa, e o bom é que ele terá continuação, que será: As Bem Resovidas (?), Amiga não fura olho, confesso que esse título me deixou mega curiosa para saber o que virá por ai. Agradeço muito ao Luis Eduardo Matta pela oportunidade de ler e conhecer este livro maravilhoso. E ai pessoal? Será que essas bem resolvidas são tão bem resolvidas assim?

Siga @asbemresolvidas no twitter!!

Leia também

6 comentários

  1. Eu já conhecia esse livro, mas só pela capa, não me interessei tanto, não cheguei nem a ler a sinopse, mas depois da sua resenha, meu deus, eu to louca por esse livro, vai ser uma das minhas próximas compras!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha! Não tinha ouvido falar desse livro! Só de ver autores brasileiros se expandindo no mundo literário, já enche-me de orgulho! Gostei muito mesmo da história, pelo fato de que o livro retrata a vida real, por causa do bullying e dos ciúmes excessivos. Muito bom mesmo! Foi para minha lista de livros desejados, com certeza! :)

    ResponderExcluir
  3. Oii
    Eu não gostei muito da capa, mas adorei a resenha. O livro parece ser ótimo.

    Beijo,
    Gaby
    http://pitadadecultura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia o livro... Mas essa temática de alta sociedade e tals já ficou esgotada pra mim com Lolita Pille, rs.

    Mas sua resenha está cada dia melhor, Dai. Sério mesmo. Melhor estruturada, mais coesa. Parabéns. :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. @cyberlivingdeadmarço 06, 2012

    A temática não me atrai, mas é incrível como uma boa resenha até pode fazer você parar, pensar e dizer "É...acho que talvez leria esse livro". Se uma resenha consegue despertar o interesse de alguém, mesmo que não muito grande, pela obra merece aplausos. *Aplausos*

    Abraços!
    http://policialdabiblioteca.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Ótima resenha, Daiane! *-* Parabéns. Amei lê-la! E confesso que fiquei curiosa pra ler esse livro, ele parece ser ótimo.

    Beijos

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011