Resenha: Ladrões de Elite

by - segunda-feira, março 12, 2012

Olá galera!

Trago a vocês a resenha do livro "Ladrões de Elite", vamos conferir?

Dados de Publicação:
Autora: Ally Carter
Ano: 2011
Páginas: 240
Editora: Arqueiro

Katarina Bishop, ou simplesmente Kat, poderia ser confundida com uma típica adolescente, mas ela não era uma moça comum, era uma criminosa muito talentosa.  Sua família era composta por criminosos habilidosos assim como ela, e seu amigo Hale, bonito, charmoso e bilionário, seu comparsa também. Conhecidos como ladrões de elites, seus roubos sempre eram de grande importância e significação. Porém, Kat matricula-se em um conceituado colégio americano, decidida a deixar essa vida, mas enganara-se pensando que seria tudo assim tão simples.


A moça fora expulsa da escola, graças a uma armação de Hale e sua prima, Gabriele. Assim ela ficou sabendo que cinco quadros muito valiosos foram roubados de um perigoso mafioso, Arturo Taccone, o qual faria de tudo para tê-los de volta. Porém não era tão simples assim roubar esses quadros, e esse serviço fora feito por alguém muito habilidoso, e o único suspeito era o pai de Kat.
Sabendo do grande perigo que seu pai corria, a moça não acreditava que seu pai houvesse feito aquilo, já que o mesmo também negara. Disposta a salvar a vida de seu pai, Kat reúne sua própria equipe de ladrões de elite, composta por alguns membros de sua família e adolescentes altamente talentosos e inteligentes, para ajudá-las a roubar novamente essas obras de arte e devolve-las ao dono.
Eles vão a vários lugares do planeta atrás de pistas para saber onde estes quadros estão, entretanto o que eles não suspeitavam, até então, era que estes se encontravam no museu mais seguro do planeta. Sabendo do enorme risco que corriam em tentar entrar num museu como aquele, onde as chances de serem pegos eram enormes, a jovem resolve seguir em frente, e com a ajuda de seus amigos tentam fazer um plano para roubar o museu, em poucos dias. Será que isso dará certo? Ou serão pegos?
Composto de uma narrativa que flui rapidamente, o livro Ladrões de Elite, nos leva a vários lugares do planeta, e nos trás informações sobre várias obras de arte. Com um toque de humor e romance, a autora conduz a estória que nos leva a cada página a querer saber se o plano desses jovens ladrões dará certo e quem está por trás desses roubos.
A personagem Kat, vai descobrindo a si mesma, e os valores ligados a família. Nenhum personagem em especial me cativou, mas a ironia presente em algumas falas tornou a leitura mais agradável.
Senti falta de mais ação no livro, não que não tivesse, mas a achei leve, o clima de suspense permanece em toda a narrativa. Acredito que se tivesse mais ação, e situações que colocassem os personagens em risco, a estória ficaria ainda mais envolvente, pois a narrativa foi bem construída, a estória também, só que com essa pitada a mais, tornaria o livro ainda melhor.
É um livro bom, não diria excelente, digo bom, principalmente para aqueles que querem ler algo diferente, um ponto a ressaltar nesse livro, é que as situações apresentadas são mais próximas do real, que podemos colocar como “possíveis” no nosso mundo. Ironia, romance, humor, suspense e um pouquinho de ação, são os componentes de “Ladrões de Elite”, que assim como o título diz não são simplesmente ladrões, mas sim de Elite.

Leia também

11 comentários

  1. Quero mtooo ler esse livro, msmo as opiniões sobre ele divergirem tanto. Até pq, é um livro diferente do que eu costumo ler.

    Gostei mais ainda de saber que se passa em várias cidades, livros assim tem uma dinâmica bem melhor, eu acho.

    Bjus, @dnisin
    http://diamanteliterario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Eu amo esse livro, ele é o meu bebezinho *-*
    To louca pra ler a continuação.. *-*
    Ótima resenha (:

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Um livro de roubos e investigação com ação moderada!?!?!

    Estranho!!!!

    Mas vamos dar uma chance a ele não é!?

    O tema é bem legal! E como disse a Dení, quando o personagem viaja bastante a dinamica da história fica bem melhor! =D

    Bjim

    ResponderExcluir
  4. Rsrsrs, eu também senti falta desta ação...
    Achei o livro meio parado...
    Mas ainda assim eu gostei muito...rsrsrs
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Sou suspeito para falar desse livro, mas faltou pesquisa do assunto. O livro tem enredo que gera muitas expectativas, portanto deveria deixar o roteiro mais cinematográfico.

    ResponderExcluir
  6. @cyberlivingdeadmarço 14, 2012

    Essa trama me fez lembrar do desenho "Onde está Carmen Sandiego?". Alguém aqui lembra dele? Era demais! O que me atraia no desenho e que igualmente me chamou a atenção no livro foi justamente a pitada de história da arte em meio à todas a ação.

    Abraços!
    http://policialdabiblioteca.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Ahh eu quero esse livro. Pra ONTEM. haha Parece ser ótimo, bem do estilo que eu gosto.
    Adorei a resenha. :]

    Beijo,
    Gaby
    http://pitadadecultura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. O livro é realmente bem levinho, mas eu gostei assim ;D
    A capa também é ótima né?! *-*
    Estou super aciosa para Uncommon Criminals chegar aqui no Brasil! rs'

    Beijos
    Geê - almaleitora.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Ah ele parece bem diferente, fiquei curiosa para lê-lo. Amei a resenha!

    ResponderExcluir
  10. Qdo vemos ou ouvimos falar sobre roubos, é inevitavel a imagem de homens armados, encapuzados..rs e ao ver e ler sobre ladrões de elite, fica a curiosidade a cerca de ser uma mulher a chave do negocio.
    Não é um tema comum..
    Vc escreveu sobre a falta de ação e talvez isso seja um ponto negativo.
    Não é um tipo de livro que me chame muito a atenção,mas quem sabe não o lerei?
    Resenha peculiar, aliás, como tem sido todas as outras q visitei.
    Parabens..

    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Estou lendo livro e estou amando! Gostei muito da capa e o titulo me chamou bastante atenção... e a história então!!
    =]
    coracoesdeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011