Resenha: Um Mundo Chamado Timidez

by - sexta-feira, maio 04, 2012

Olá galera!

Eba, resenha nova! E agora é do livro "Um Mundo Chamado Timidez",espero que gostem e comentem!

Dados de Publicação
Autora: Leanne Hall
Páginas: 222
Ano: 2012
Editora: LeYa

O livro "Um Mundo Chamado Timidez" da autora Leanne Hall, é uma ficção australiana. A estória começa com um capítulo narrado por uma garota, que em uma noite  bar com dois amigos, conhece um misterioso rapaz, que uivava, apenas com um olhar os dois percebem que há uma ligação diferente entre eles. O nome dele, isso é mistério, mas o chamam e pede para ser chamado de MeninoLobo (sim, no livro estava assim juntinho as duas palavras) e a garota pediu para ser chamada de MeninaSelvagem.
Os dois se conhecem, e então MeninaSelvagem pede para o MeninoLobo ser seu guia e lhe mostrar o misterioso subúrbio chamado Timidez. O grande diferencial desse subúrbio é que nele o sol nunca nasce, é sempre noite. Então toda a estória se passa no período "noturno". Juntos eles saem desvendar os segredos, medos, em meio a essa escuridão e se deparam com crianças viciadas em açúcar, um médico muito perigoso, ciganos e piratas. Dois personagens com estórias de vidas diferentes, que enfrentam problemas pessoais, procuram juntos sentidos para as palavras liberdade, compreensão e aceitação, e por que não amor?

Cada capítulo é sob o ponto de vista de um dos personagens, alternando então entre a primeira voz da garota e a primeira voz do menino. Isso foi algo que considerei riquíssimo, já que o leitor pode saber o que pensa os dois personagens principais dessa maravilhosa obra, e os sentimentos que cada um tem em determinadas situações, e como um vê o outro. O livro me prendeu já na primeira página. A autora elaborou uma narrativa que permite ao leitor ter uma leitura muito mais prazerosa e leve. Embora não seja muito detalhista, nós podemos mergulhar na estória e imaginar o cenário que a constitui.
Os dois personagens principais são cativantes, MeninoLobo não é um herói, não é perfeito, ele é como qualquer garoto adolescente, com seus medos, dúvidas e desejos. Também se sente inseguro em algumas situações e tem dificuldades para expressar o que sente. E é isso que me cativou, o fato dele mesmo parecendo não ser normal, ter sentimentos que todo menino normal tem. MeninaSelvagem também é assim, é uma adolescente como qualquer outra, tem seus medos, briga com a mãe, se sente insegura com seus sentimentos, é adorável e ao mesmo tempo corajosa.
O fato desse subúrbio se chamar Timidez e o sol nunca nascer me chamaram muito a atenção, os personagens secundários também criados pela autora, embora possa parecer as nossas vistas como fantasiosos demais, ao terminar a leitura percebemos que eles tem uma ligação muito forte com o que vemos em nossa sociedade atualmente. No livro as crianças são viciadas em açúcar, se organizam em gangues, tendo seus respectivos líderes e locais para gerenciarem esse negócio. E em nosso dia a dia? Será que não existem crianças já vítimas das drogas, sendo ameaçadas, escravas do seu próprio vício e entrando em gangues? É algo para se pensar não? O livro me levou a refletir a todo o momento sobre o assunto.
O livro é uma fantasia, se você não gosta de sobrenatural, não se preocupe o livro não é assim. Pode até passa a impressão  de ter muita fantasia, mas acredito que não, lendo você vai perceber que as ligações ali encontradas e os fatos narrados têm uma lógica e um motivo.
A forma como MeninaSelvagem e MeninoLobo vão se conhecendo e se aventurando, faz com que o leitor se prenda as páginas, você fica dependente da estória, de conhecer Timidez, de saber como que eles lidarão com os sentimentos, como um vai descobrindo melhor o outro. Quando você chega na última página, da vontade de começar tudo de novo. 
O final ao meu ver, foi bom, e eu gostei. Percebi que a autora tem os pés no chão, e embora seja para um público juvenil, ela não focou muito nos velhos clichês que estamos acostumados. Leanne Hall criou uma estória diferente e bem construída ao meu ver. Não há aquele amor idealizado, mas sim o amor real, o que acontece com dois adolescentes reais.
Em relação a diagramação, a capa é simplesmente linda e tem tudo a ver com a estória, as páginas são amareladas, com uma fonte em bom tamanho, você consegue ler o livro em poucas horas. 
Recomendo a leitura, mergulhem  na estória e se aventurem em cada página. Gostei muito do livro, lendo a orelha da capa vi que a autora está se preparando para lançar a sequência que será Queen of Night. Agradeço a Editora LeYa pela oportunidade de ler e resenhar essa maravilhosa obra.



P.S: Os dois primeiros parágrafos foram baseados na sinopse do livro.

Leia também

18 comentários

  1. O livro parece ser bem interessante ! Os nomes concertezas são bem diferentes mas perguntinha basica porque MeninoLobo e GarotaSelvagem !? kkkkkkk acho que vou dar uam chance pra esse livro ! otima resenha ! beijos !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida! Não posso contar porque esses nomes kkkkkk, senão seria spoiler, mas é bem interessante mesmo hehe. No livro, no decorrer da estória, os verdadeiros nomes são revelados, mas agora o porque de MeninaSelvagem e MeninoLobo... hum.. vai ter que ler pra descobrir kkkkkkkk Só posso te dizer que é muito bom!
      Beijos e muito obrigada pelo comentário

      Excluir
  2. Oi,Daiane!
    Eu estava tentando entender o porquê dos nomes também,mas suspeitei que você não havia explicado devido a spoiler. Confesso que não sou a maior fã de fantasias,mas o fato da estória ser contada em multiperspectiva, me deixei bastante curiosa.
    Parabéns pela resenha.
    Abraços e bom fim de semana,
    Islayne

    ResponderExcluir
  3. Oi Dai... Gostei da sua resenha. Uma fantasia sem sobrenatural? Parece ser bem instigante!!! Amei a resenha. Beijos amore!!!

    Lucas - ENL

    ResponderExcluir
  4. Boa noite,Dai!
    Adorei a história do livro.Agora também quero saber o por que dos nomes,rsrs.Pela sua resenha Dai,tem mesmo muitas coisas que parecem fantasia mas que estão em nosso dia-a-dia.
    Amei a resenha.Beijos
    Ingrid

    ResponderExcluir
  5. Estava bastante interessada nesse livro - com exceção à capa, que não me agrada muito -, mas eu pensara ser uma outra estória completamente oposta à essa. Gostei da tua resenha, achei até legal o livro. É a primeira resenha que leio dele, mas juro que preferia ver o livro como eu o via antes apenas pela sinopse, pois a estória que eu 'criei' com base na capa e sinopse foi outra bem diferente UAHSUASUASHU. Mas enfim, ainda quero ler. É uma fantasia diferente, e os nomes dão curiosidade hein!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando eu li a sinopse, também imaginei algo diferente, não imaginava que seria mais uma fantasia urbana. Mas depois de ler eu gostei bastante.
      Os nomes são bem curiosos mesmo, mas os verdadeiros são revelados depois :)
      Bjs linda!!

      Excluir
  6. Oi!
    Como eu quero ler esse livro. Fiquei apaixonada pela sinopse dele e quando abri a capa na loja me encantei de vez. A história parece ser diferente das que eu já li.
    Adorei a resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Achei muito bacana esse livro... Apesar de eu já não gostar tanto de temas mais adolescentes, acho que esse fundo que mostra um pouco da realidade do nosso dia-a-dia vale muito à pena conferir! Gosto de livros que até tem um tema mais surreal, mas não necessariamente fantasioso demais (como a enchente de histórias de vampiros que estão no mundo da literatura, confesso que não me interesso muito por eles se não forem da Anne Rice).

    Gostei bastante da resenha e me deixou com uma pontinha de curiosidade para conferir o livro :)

    Um abraço!
    @ninanoespelho
    http://ninanoespelho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Daiane!!!
    Eu gostei muito da sua resenha, me deixou muito interessada pelo livro, adorei o nome dos personagens principais, mas antes de ler sua resenha achei que o livro fosse sobre auto-ajuda (foi mais pelo titulo mesmo) mas fiquei bem feliz em saber que não é! (não curto muito auto-ajuda e tal) pretendo ler esse livro! ;)

    ResponderExcluir
  9. É, a capa ñ chama mto a atenção e nossa que livro estranho, meninolobo e meninaselvagem. Mas vc falo com tanta convicção que o livro é bom que fiquei mto curiosa. Pela capa ñ leria, mas pela a sua resenha acho que se tiver a oportunidade lerei sim.

    Bjus, @dnisin
    http://diamanteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Muitos acima disseram não gostar da capa. Eu amei!
    Preta com vermelho deu um destaque tão bonito.

    O que me surpreendeu foi a estória totalmente diferente do que eu imaginava.
    Pensei que seria sobre a timidez em si e jovens convivendo com ela.

    Primeira resenha que leio e fez-me interessar pelo livro.

    Bjus

    Ariana

    ResponderExcluir
  11. Oi Dai!!
    Este livro não me conquistou, a sua resenha está ótima,
    mas realmente o tema do livro não me levou a querer ler.
    Bjos!
    Cida

    ResponderExcluir
  12. Eu gostei da capa, ela é bem diferente da maioria das capas atuais. Eu acho isso um ponto positivo. A estória parece ser bem interessante, e o fato dos personagens serem "meninolobo" e "meninaselvagem" só atiçou a minha curiosidade!!

    Beijo,
    http://pitadadecultura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Dai
    eu estava na fome para ler a sua resenha desse livro rs
    Caramba, eu tenho certeza que irei amar, pois gosto quando a autora intercala a narração, assim conseguimos criar uma conexão maior com os personagens e entender os diversos lados da história!!
    Essa capa é linda, por reunir as cores que eu mais gosto!!
    Depois da resenha, só resta correr pro site de compras e ser feliz rs
    bjo

    ResponderExcluir
  14. @cyberlivingdeadmaio 07, 2012

    Olá, Daiane!
    MeninoLobo e MeninaSelvagem, isso me parece nick name daquelas salas de bate-papo em que só há coisas que sinceramente não fariam a mínima falta se não existissem. Esse nomes me fizeram rir mesmo kkkkkkkkkkk Achei interessante como a autora, segundo seus comentários, transforma na obra sentimentos em coisas palpáveis (o subúrbio chamado Timidez, por exemplo). Confesso que não achei a trama muito boa, mas isso só tenho como confirmar lendo.

    Beijos!
    http://policialdabiblioteca.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. É a primeira resenha que eu leio do livro, parece ser um livro super bacana que mostra o universo da timidez, que toda a estória é uma mensagem. Uma das coisas que eu gostei também é o fato de cada capitulo ser ao ponto de vista de um personagem. Isso me atrai a ler.

    ResponderExcluir
  16. Meu mundo num livro, como não me avisaram nada?

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011