Resenha: Filha da Tempestade

by - terça-feira, agosto 14, 2012

 Olá pessoal!

Como vocês estão? Espero que bem e animados para conferirem mais uma resenha! Agora é do livro "Filha da Tempestade", primeiro livro da série Dark Swan, da autora Richelle Mead, o qual foi publicado pela nossa editora parceira Agir. Então, vamos conferir?

Dados de Publicação:
Autora: Richelle Mead
Páginas: 413
Ano: 2011
Editora: Agir
Compre aqui: Livraria Saraiva

"Filha da Tempestade" primeiro livro da série Dark Swan escrito pela renomada escritora de ficção sobrenatural Richelle Mead, nos traz a intrigante personagem Eugenie Markham, também conhecida por Dark Swan, a qual é uma poderosa xamã. Certo dia ela é contratada para resolver um grande problema, uma jovem menina fora raptada e levada para o Outro Mundo, o qual é habitado por nobres, espíritos, almas perdidas, um lugar que claro Eugenie não é bem vinda.

Todo o livro traz a questão sobrenatural e mágica, mas também há o lado "normal", ou seja, o lado humano. Espantar espíritos não é problema para a nossa personagem, entretanto essa missão não é tão simples assim, e muito mais coisas estão envolvidas.
Em uma noite, antes de partir para sua missão, senhorita Markham conhece o sedutor e envolvente Kiyo, e passam uma noite bem excitante. Quando parte para o outro mundo, Eugenie também conhece o rei Dorian, um rei belo e muito ambicioso. Eis que surge ai um “triângulo amoro", Eugenie, pelo menos para minha impressão de leitora, sempre se mostrou mais apaixonada por Kiyo.
Eugenie vê que está muito conectada ao outro mundo do que pensa, ela sempre o odiou, entretanto o livro nos reserva algumas surpresas e também para a personagem. 
Filha da tempestade nos faz mergulhar em uma estória sobrenatural completa, há reinos, profecias, nobres, magia, profecias, e claro, no melhor estilo Richelle Mead, não pode faltar algumas cenas hot. Mas a autora também nos traz o lado humano, o lado real na estória, pois Eugenie é humana (será?).
Uma das coisas que mais me chamaram a atenção foi o humor presente no livro, em várias cenas que parecem ser simples ou que carregam alguma tensão a autora surge com seu bom humor no diálogo dos personagens e nos pensamentos de Eugenie.
E que personagem forte, determinada e real que Richelle criou! Você consegue se identificar com ela, com algumas de suas situações vividas, dúvidas e medos. Ela não é perfeita e muito menos espera pelo príncipe encantado ou homem dos sonhos, ela quer viver, ser feliz e ser amada. Mesmo em um livro regado e ambientado no sobrenatural, a autora não deixou de lado o toque de realismo e identidade necessário na obra literária, é o que poderíamos chamar de verossimilhança na literatura.
É um livro bem escrito, bem ambientado, há algumas cenas hot, que acontecem no momento certo e não são o foco principal da estória, essa é uma das características da autora, entretanto ela soube dosar isso muito bem em sua narrativa.
No começo do livro você se envolve, entretanto ao seguir a leitura nas primeiras cem páginas não há algo forte que te segure, a leitura seguiu de forma mais lenta, ele não é um livro que te prende por completo, entretanto depois da metade vamos descobrindo mais coisas e nos surpreendendo com alguns mistérios, traições e reviravoltas que acontecem. Não imaginava esse final, e estou curiosa pelo próximo.
Em relação ao triangulo amoroso, mesmo terminando o livro da forma que terminou acredito que Richelle tenha algumas “cartas na manga”, pois alguns parágrafos finais nos deixam com uma pulgona atrás da orelha. Ao ler esse livro indico: não confie em nenhum personagem, você pode se surpreender com eles.
A diagramação da obra está bem feita, a capa confesso que não a achei tão bonita, mas expressa bem a estória, acredito que isso seja o mais importante, a revisão está bem feita, não achei erros, pelo menos que me lembre.
Indico o livro para quem gosta de livros sobrenaturais, e para aqueles que querem fugir dos tradicionais vampiros, lobisomens, fadas e etc, esse livro é diferente de todos, traz a temática sobrenatural bem trabalhada e o mais importante, bem escrita. Richelle moldou muito bem a estória, nada é vago, é até alguns detalhes tem sua devida importância.


Leia também

30 comentários

  1. Gostei da resenha... Não sou fã de sobrenatural, mas gosto muito de livros que tenham bom humor e fogem dos vampiros. Acho que é um bom livro pra começar a ler esse gênero...
    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li nenhum livro da Richelle Mead, mas tenho amigas que adoram a série Academia de Vampiros. Mas entre a série dos vampiros e Dark Swan, acredito que vou gostar bem mais de Dark Swan. Fiquei bem curiosa pra conhecer mais sobre a Eugenie, apesar de não saber se gostaria muito dela... Fiquei ainda mais curiosa com essa história de não confiar em nenhum personagem... Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha, Daiane!
    Confesso que nunca tive muita vontade de ler esta série, ela nunca me pareceu do estilo que gosto de ler... mas, depois da sua resenha, fiquei curiosa! Pelo jeito é um livro muito bom, com uma história muito bem escrita e ótimos personagens...
    Bjus!
    Paty Algayer - http://www.magicaliteraria.com/

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li este livro,mas estou curiosa,porque gostei bastante de Academia de Vampiros que é da mesma autora,espero ler em breve.
    Mil Bjs

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito da resenha ainda mais eu que adoro um sobrenatural mas descarta um crepusculo ! E o melhor não tem vampiros , lobisomens e outros seres com qual vemos diariamnte né !? Bem eu espero ter a chance de ler esse livro em breve !

    ResponderExcluir
  6. Eu sou curiosa para ler qualquer coisa da Richelle. Sua resenha tá ótima Dai! Como sempre!!

    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Tem ótimos livros com este tema, pena que este ainda não li.
    Bjs, Oose.

    ResponderExcluir
  8. Bem, primeira resenha que leio sobre esse livro. Diferente de vc, eu adorei a capa..rs
    Esse tema sobrenatural me atrai, gosto muito de livros que explorem isso.
    E gostei muito da dica também para não confiar em nenhum personagem, sinal de que o livro tem algum mistério.No mais, gostei da sinopse e da resenha..e sim, quero muito ler o livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Nossa Dai,
    Devo confessar que nunca li nada da Richelle e tenho 3 livros em casa. Agora, lendo esta sinopse e esta capa maravilhosa, fiquei atordoada de vontade de ler... vai entender...

    Beijos
    Chrys
    Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
  10. Ainda não conheia o livro, gosto do genêro.. e a capa me fez lembrar de Lara Croft,me parece uma história envolvente, e gostei de saber que também tem uma certa dose de humor.

    ResponderExcluir
  11. Já estou com tantos livro para ler que por enquanto não quero aumentar minha estante, mas assim que acabar os que eu tenho eu vejo esse *-*

    ResponderExcluir
  12. Os únicos livros que li da autora foram os quatro primeiros livros de academia de vampiros, e adorei. Eu gostei bastante da capa, e quero muito ler o livro. "não confie em nenhum personagem, você pode se surpreender com eles" é assim que os autores acabam com a nossa cabeça kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  13. A capa é muito bonita *-*
    Primeira resenha sobre esse livro que eu leio mas achei bem legal, essa coisa sobrenatural e mágica, só que sem vampiros e realmente o mais importante, uma estória bem trabalhada, tudo que alguê precisa pra fugir da rotina :)
    Adorei a resenha!!
    beijoss
    http://bibliotecaaconchegante.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. ainda não li nenhum livro da Richelle Mead, mas vejo varias resenhas positivas dos livros dela, e esse parece interessante.
    Amei a capa!! :D

    ResponderExcluir
  15. Oiii até agora não li nenhum livro dessa autora, mas já ouvi falar mto bem dela, espero poder ter a oportunidade de ler algo dela. Filha da Tempestade me pareceu ser um livro bem interessante...

    BjOs!!!

    ResponderExcluir
  16. Não conheco a autora ainda, mas esse livro parece bem interessante, diferente do que costumamos ver. mas essa capinha é bem desanimadora oO
    A resenha ficou otima!!

    ResponderExcluir
  17. Oi,Daiane!
    Confesso que não sou muito fã

    ResponderExcluir
  18. Oi,Daiane!

    Ignore meu comentário anterior,pois estava começando a escrever e sem querer apertei o botão de enviar. Kkk
    Bem,como ia dizendo , não sou muito fã desta temática sobrenatural. Mas isso não me impede de conhecer um pouco mais do universo desta autora .
    Abraços,
    Islayne

    ResponderExcluir
  19. Não tenho o costume de gostar de literatura fantástica, sobrenatural... Mas a Richelle ecreve realmente muito bem! A capa não me agradou. Achei até bem feia. Porém, a estória parece ser boa.
    Ótima resenha.

    Beijos :D

    ResponderExcluir
  20. Oi, Dái, tempãoque não deixo um comentário...

    Li este livro no começo do ano e gostie muito, sempre gosto dos livros da Richelle, sei que livros muito melhores que Academia de Vampiro porém ela é minha pretileta e ninguém muda isso, amo Dimitri e Rose eternamente, deixando VA de lado e voltando a Filha da Tempesdade. Gostei muito da história cheia de misterios e supresas, fiquei louca para ler a continuação e super triste quando descobri que ainda não tinham lançado - e não lançaram até hoje ¬¬' - já ouvi varias criticas com relação ao demais livros e termino da serie, criticas nada boas por sinal, em fim prefiro le-lós para tirar minhas proprias conclusões.

    Beijos e até mais Daí!

    ResponderExcluir
  21. Não gosto muito de história com esse tema...
    Até leio algumas, mas não são todas que me chamam a atenção.. a capa do livro até achei bonita, mas não fiquei com tanta vontade de ler esse livro ...

    ResponderExcluir
  22. Apesar da historia ser bem interessante , estou tentando me afastar dos livros sobrenaturais, kkk , prefiro nao dizer porque , mais nao gosto muito desses temas , prefiro uma aventura , um romance ...

    ResponderExcluir
  23. Achei interessante, não o li e nãp gosto muito do gênero, mas a resenha me deixou com vontade! :D

    ResponderExcluir
  24. Parece ser bem intrigante e bem escrito. Gostei bastante da capa, foi umas das coisas que mais me chamou a atenção. Se eu pudesse já havia comprado o livro, mas né como não tenho dinheiro. Não posso, quero dizer, não dá. Porém estou muito curioso, com o livro após a resenha.

    Beijos, http://desleituras-em-serie.blogspot.com.br/ passa lá..

    ResponderExcluir
  25. Muito bom saber que a temática sobrenatural foi tratada de uma forma diferente.
    A capa não chama mesmo atenção, mas o livro parece ótimo.
    Bjos!
    Cida

    ResponderExcluir
  26. Gosto bastante de livros do gênero Sobrenatural. Acho esse uma boa pedida, afinal, não está repleto nem de vampiros, nem lobisomens... os quais já estou de "saco cheio". Como ainda não conheço a narrativa da autora, pretendo ler essa série e ver se vou gostar ou não.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  27. Adorei a resenha ^^
    Não li esse livro ainda, mas ele parece ser bom. Gosto de sobrenatural. Também não li nenhum livro dessa autora ainda, mas quero ler esse, e espero gostar. A capa desse livro também chama um pouco a atenção.

    ResponderExcluir
  28. Gostei da ideia de fugir dos tradicionais vampiros.
    Não tinha me interessado muito pelo livro mas com o final da resenha deu uma pontinha de vontade de conferir.

    ResponderExcluir
  29. não curto histórias do tipo 'sobrenatural' mas gostei da resenha!

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011