Resenha: Um lugar para ficar

by - sábado, dezembro 29, 2012

Oi galera!

Vamos para mais uma resenha, dessa vez do livro "Um lugar para ficar", publicado pela nossa Editora parceira Novo Conceito.

Dados de Publicação:
Autora: Deb Caletti
Páginas: 271
Ano: 2012
Editora: Novo Conceito
Avaliação: 4/5

"Alguns segredos são forte o bastante para destruir você"

Em Um lugar para ficar temos a estória de Clara, que assim como qualquer adolescente tinha seus amigos e paixões. Filha de um escritor de suspense famoso, Clara sempre foi uma menina alegre, gostava de fazer brincadeiras e era amável. Um dia ela conhece Chrisitan, a ligação entre eles foi imediata, e logo começaram um relacionamento intenso.
No início tudo era lindo e Christian ainda não dava pistas de sua verdadeira personalidade, com o passar do tempo o afeto que ele sentia por Clara se torna uma obsessão, os ciúmes já se apresentava de forma exagerada, ela se sentia sufocada. Clara percebeu que as coisas tinham ido longe demais, algumas pessoas tentaram alertá-la, mas ela preferiu não acreditar. Depois de perceber a que ponto as coisas estavam chegando, resolve então deixar Christian, entretanto ele não queria deixá-la e estava disposto a fazer de tudo para ficar ao seu lado, sua obsessão parecia não ter fim. O amor que antes havia entre elas cede lugar ao medo, desespero e vergonha.
Clara então foge com seu pai para uma pequena cidade beira mar, para assim tentar reconstruir sua vida e ficar longe daquele monstro que a perseguia. Mas será que ela realmente está a salvo, mesmo quando longe alguns fantasmas insistem em atormentá-la?
Esse é um daqueles livros que quando você começa a ler não quer mais largar. O suspense página a página nos prende e queremos saber o desfecho dessa estória. O livro é narrado em primeira pessoa pela Clara, e os capítulos se alternam entre quando ela conheceu Christian e seu relacionamento com ele  e sua tentativa de tomar  um novo rumo para sua vida com as surpresas que o destino estava lhe pregando. Adorei essa forma de construção de narrativa adotada pela autora, pois com ela podemos entender muito melhor a obra e seus níveis.
Clara é uma personagem apaixonante, uma garota alegre, brincalhona e decidida em alguns pontos. Como toda adolescente ela tinha o direito de se apaixonar e se entregar. Com Christian ela deixou de lado o que realmente era. Ele não se tornou obsessivo de uma hora para outra, aos poucos ele foi deixando cair a máscara. Ele era um menino que aparentava ser bom, bonito e que conseguia manipular as pessoas.
Quando Christian foi passando do ponto, com ciúmes bobos, atitudes extremas, em um momento ele dizia amar e em outro extravasava sua raiva, dai se arrependia e dizia amá-la e tudo mais, tudo isso em questão de minutos. Essas atitudes a cansaram, ela acreditava amá-lo, mas aquilo não era amor, uma pessoa não é como um objeto, que outro pode tomar posse e fazer o que quiser, e era isso que Christian estava fazendo, ele realmente tinha problemas sérios. Clara até tentou, mas viu que estava tudo indo longe demais, ela tinha medo quando ficava sozinha, pois ele poderia estar a vigiando, aquela sensação de estar sendo seguida, depois de tudo que aconteceu o medo passou acompanhá-la e o desespero fazia parte de sua vida.
Embora esse livro seja uma ficção, sabemos muito bem que isso acontece na vida real. Homens ou mulheres descontrolados que não respeitam o fim de um relacionamento, mudam de humor constantemente, são capazes de agredir, aprisionar e até mesmo matar, para a pessoa pertencer somente a si e ninguém mais. Isso é cruel. Deb Caletti escreveu a estória de uma forma que podemos sentir e entender a mente da personagem, seu medo, o desespero como poucos autores conseguem fazer.
Confesso que cheguei a pensar que o final seria previsível, mas não foi. Não foi como imaginei, a autora conseguiu me surpreender, o que tornou a estória ainda mais próximo do que acontece no real. Em alguns momentos me irritei com a Clara, mas ela era só uma adolescente e quem nunca fez escolhas erradas na vida?
Não achei a capa tão bonita, mas ela tem a ver com a estória em especial com uma cena. A diagramação está boa e achei alguns poucos errinhos de ortografia e uma ou outra palavra que eu manteria da obra original e colocaria a tradução na nota de rodapé. Mas o livro é muito bom, a estória é ótima e de certa forma surpreendente. Recomendo para quem quer ler um bom suspense, ele é bem diferente e mais próximo da realidade que muitos livros que também abordam essa temática.


Leia também

22 comentários

  1. Puxa, agora fiquei até com vergonha..rs
    Li esse livro esses dias e sinceramente, não achei bom de jeito nenhum.
    Qdo comecei a ler, imaginei outra idade a personagem e me surpreendi qdo vi q ela era apenas uma adolescente.
    Não sei, achei que o tema da perseguição podia ter sido mais explorado,mesmo sendo de personagens tão jovens.
    Gostei muito do pai da Clara e por diversas vezes, achei q ele tinha roubadoliteralmente o papel principal.
    Não digo q não valha a pena ler, mas....

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Realmente, há muitas pessoas que não aceitam o fato do fim de um relacionamento. Vemos isso frequentemente em notícias. Parece ser uma estória interessante.

    ótima resenha.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi flor, quanto tempo
    adoro essa capa, não sei porque rs mas passa um ar tão calmo. Este livro estava na minha listinha de fevereiro, mas não consegui ler. Adoro esses enredos que poderiam perfeitamente acontecer na vida real. Quero muito ler, ainda mais depois da sua resenha.
    bjos e feliz 2013 \o/

    ResponderExcluir
  4. estou com este livro na minha estante mas ainda não consegui ler
    parece ser muito bom mesmo... o rumo que a história leva é bem real, do tipo que vemos sempre por ai né!

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro a capa! rs... É porque ela tem um monte de água, e eu amo estar perto da água!! hehe...

    Com certeza isso é uma coisa que acontece, infelizmente... e as pessoas obsessivas juram que fazem tudo por amor, né? Fiquei com vontade de conhecer a história da Clara, anotado aqui pra ler em 2013. =)

    ResponderExcluir
  6. Já faz um tempo que tenho o livro mas não me animei a ler, sempre vou passando outros na frente. Mas com sua resenha fiquei mais animada, parece que a história é melhor do que pensei. E é verdade, infelizmente esses relacionamentos que pendem mais para o obsessivo é mais comum do que imaginamos.

    ResponderExcluir
  7. Nunca li nenhum livro desta autora mas pelo que em parece a historia começa estilo cliche (o amor a primeira vista e tal), mas ao decorrer da historia começa a tratar de um assunto serio (nem todos pensa assim)sobre obsessão. Tambem percebi durante a leitra da sua resenha que a autora sabe bem como prender o leitor com sua narrativa fazendo Não vejo a hora de poder ler este livro e saciar minha curiosidade sobre Clara e Christian.

    ResponderExcluir
  8. Ganhei este livro e tive que trocá-lo por ter recebido uma proposta irrecusável no Skoob - um livro que já queria há tempos.
    Achei a edição tão caprichada e li algumas resenhas super favoráveis a ele. Ainda quero ler essa história que me parece tão envolvente e extremamente atual e, diria até, necessária.
    Gosto, principalmente, do tema abordado para que os jovens fiquem ligados quanto à violência psicológica e física de ex-namorados, ex-parceiros possessivos e doentes, mal resolvidos. Vale demais o alerta!

    ResponderExcluir
  9. Eu fico tão feliz de ver resenhas positivas sobre esse livro. Pois ele é um livro que eu eu desejo muito mesmo!!!!!!! E uns tempos atras até fiquei meio com o pé atrás, pois andei vendo umas resenhas nada legais. Fico louca mesmo para ler. Tenho certeza que a leitura irá me envolver
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Eu gostei bastante deste livro,por ser um tema forte a autora conseguiu escrever uma historia bastante emocionante,recomendo.
    bjs

    ResponderExcluir
  11. esse livro além de ser bem bacana trata de um tema super importante nos dias atuais, bem bacana sua resenha sobre ele :)

    ResponderExcluir
  12. Tenho vontade de ler esse livro, para saber como é descrita o fato da obsessão, porque não é um tema comum na maioria dos livros, fico curiosa.
    Rafa
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu tenho muita vontade de ler esse livro...gostaria muito mesmo!! Achei a história bem elaborada..

    Enfim, escrevi uma mensagem de fim de ano lá no blog e gostaria muito que vc pudesse ler.
    Beijinhos no coração e muito obrigada por nossa parceria!

    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Confesso que não faz muito o meu estilo, mas leria esse numa boa. O que mais me incomoda é saber que o drama que a protagonista sofre é mais real do que se pensa.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  15. Ja li o libro e achei ate que bem legalzinho...Acho que é uma historia de superação e tudo mais e se prestar atenção ate fofo!

    ResponderExcluir
  16. O livro aborda um assunto diferente. Nunca li livro algum com essa temática. Mas acredito que seja um livro bom. Eu apenas não gosto da capa.

    Ótima resenha!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  17. Não conhecia o livro, e gostei da história, como sempre você nos trazendo ótimos livros em excelente resenhas Parabéns ^^
    Beijo Rafa

    ResponderExcluir
  18. Tenho esse livro em casa. e até. agora ainda não tive aportunidade de ler . Mas quando começar o mes de janeiro vou procurar esse livro ^^ otima resenha!

    ResponderExcluir
  19. Olá, adoorei a resenha deste livro, mesmo sabendo que tem alguns pontos negativos. Troquei este livro pelo skoob, e agora estou muito ansiosa para poder lê-lo!

    ResponderExcluir
  20. Pelo visto o livro conta uma história de algo que acontece com muitas pessoas, acho interessante ler sobre isso, mas a história nao me cativou o suficiente para adicionar aos desejados, eh um livro que eu leria se chegasse nas minhas mãos, mas que eu nao compraria.

    Adorei a resenha dai :)

    Bjoo

    ResponderExcluir
  21. Oie, eu ainda não li esse, mas logo vou querer ler, sua resenha me fez ficar curiosa ainda mais qdo disse q o final não é previsível...

    BjOs!!!

    ResponderExcluir
  22. Ai, dá medo esse tipo de leitura... Começo a associar com reportagens que já vi sobre exagero de ciúmes, resultando em tragédias. Eu não gosto de capas de livros com pessoas reais, principalmente as que são com os atores do filme baseado na obra.

    Bye da Pah
    www.livrosestrelas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011