Resenha: Cinquenta tons mais escuros

by - sexta-feira, janeiro 04, 2013

Olá people!

Vamos para a resenha do polêmico, amado, odiado, criticado, aclamado e tantos outros ados do livro "Cinquenta tons mais escuros", segundo volume da trilogia Cinquenta tons de cinza! Confiram minha opinião!

Dados de publicação:
Autora: EL James
Páginas: 512
Ano: 2012
Editora: Intrínseca
Avaliação: 4/5

Não posso imaginar minha vida sem você. Eu amo tanto você que isso me assusta"


Nesse segundo volume da trilogia, Ana Steele pretende seguir seu caminho sozinha, tendo então deixado Grey. Mas mesmo tendo se reerguer ela ainda sente sua falta. Então Grey propõem a ela um novo acordo, e Ana não consegue resistir. Nesse livro há mais adrenalina, uma ex-submissa obsessiva representa um grande perigo ao casal, já que está demonstra estar disposta a tudo.
Também nesse livro vamos conhecer melhor a Mrs. Robinson, ou seja, a estória da uma apimentada ainda maior. Ana começa a conhecer um pouco mais os mistérios de Grey e este tenta se livrar dos demônios do passado. Então ela se vê perante a decisão mais importante de sua vida. Será que eles vão conseguir?
 
Sei, no fundo, que sempre serei sua, e ele sempre será meu. Percorremos um longo caminho juntos, e ainda temos muito que caminhar, mas somos feitos um para o outro. Somos almas gêmeas.
  
Já faz um bom tempo que li esse livro, na verdade antes dele ser lançado aqui no Brasil, mas ainda não tinha conseguido escrever a resenha dele. Achei Cinquenta tons mais escuros mais envolvente que o primeiro livro, há mais “conteúdo”, mais estória, ou seja, mesmo o foco central sendo o casal Ana e Grey, há outros personagens e outros acontecimentos que circundam e entremeiam a estória.
Adorei o suspense que se fez presente. Há menos cenas de sexo entre os protagonistas, mas as que têm continuam apimentadas. A autora tentou explicar o porquê de o Grey ser como ele é, e essa parte me incomodou. Já era perceptível que Grey tinha um passado sofrido e um "motivo" para ele ser assim como é, mas a forma como a E L colocou isso não me agradou, achei que ela se confundiu, ela tentou usar explicações psicológicas para tal e se perdeu quem entende de psicologia perceberá isso ou deve ter percebido assim como eu. Para quem não entende talvez passe batido, mas ainda assim ficará com aquela sensação que faltou algo.
Mas a estória cumpre com o que se compromete, ela entretém bem os seus leitores, o objetivo nesse estilo de narrativa é entreter e dar prazer ao leitor, então se você quer um livro com um excelente conteúdo literário crítico não encontrará nesse,  porque esse não é o foco do livro. EL se compromete a contar uma estória de amor com uma narrativa erótica e isso ela cumpre muito bem. Como costumo dizer, ela não escreveu essa trilogia para ganhar um Nobel.
Gostei da série, gostei desse volume, tem cenas muito lindas entre o Grey e a Ana, em que vemos o verdadeiro amor entre eles, Ana conseguiu me irritar algumas vezes, mas ouvi minha deusa interior e segui com a leitura. Acho que seria legal se houvesse esse livro também sob a perspectiva do Grey, pois eles passaram por diversas situações difíceis nesse volume, e queria saber o que ele sentiu sobre alguns fatos de seu passado, sob sua própria perspectiva e não só sob a visão da Ana.
Essa trilogia com certeza foi o "bum" literário do ano, fazia tempo que um livro não causava tanto alvoroço no meio literário, uns amam outros odeiam, e alguns criticam sem saber e vai com a opinião alheia. Eu sempre digo, leia primeiro e depois julgue.
Livro recomendado para quem gosta de livros eróticos e com estórias de amor impossíveis, e que procura um bom entretenimento.
  

Leia também

19 comentários

  1. Oi Dai!
    Saudades viu!
    Eu vou confessar que AMEI a trilogia.
    Fechei meu ano com chave de ouro lendo 50 Tons e confesso que o que eu mais gostei foi 50 Tons Mais Escuros.
    Para mim foi adrenalina pura, cheguei a gritar.
    Mas para mim não foi um livro de sexo, foi sim uma estória de amor.
    Gostaria também que fossem lançados livros com o ponto de vista do Sr. Gray.
    Seria interessante...

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não tive coragem pra ler nem o primeiro. Tenho um preconceito muito grande com 50 tons, admito, e ainda não consegui superar, por mais que esteja bastante curiosa. Mas acho legal que nas continuações, a E.L. tenha se proposto a desenvolver melhor a história e os personagens (mesmo que, aparentemente, de uma maneira um pouco falha), porque a primeira vista fico sempre com a impressão de que eles são um pouco rasos. Bom, sei lá. É difícil falar sobre uma coisa que você nunca leu, e mais difícil ainda quando rola esse preconceitozinho. Quem sabe um dia?
    Beijocas

    http://nossosromancesadolescentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim flor, entendo seu ponto de vista. Eu também tem vários livros que ainda reservo um pequeno "preconceitozinho", mas um dia vou tentar ler e tal para ver o que penso. Mas algumas temáticas ainda me incomodam, então entendo perfeitamente o que quis dizer, aliás temos nosso direito ahahaha!
      Obrigada pelo comentário linda :)

      Excluir
  3. eu no começo não quis ler o livro, mas ai depois de um tempinho essa trilogia me chamou bastante a atenção e estou doida pra ler!

    ResponderExcluir
  4. Não tenho muita vontade de ler esta triologia,mas quem sabe um dia...
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Minha mãe leu toda a trilogia e disse que achou "mais ou menos", que faltou alguma coisa, que o romance deles era muito artificial e as partes de sexo eram surreais.
    Fico na dúvida se quero ler ou não, mas quem sabe aparece uma oportunidade e eu acabe gostando!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho que concordar com sua mãe, a cena de sexo deles são bem surreais... mas como é uma ficção, acho que a EL quis que tudo fosse perfeito, mas sabemos que na vida real as coisas não são bem assim.
      Obrigada pelo comentário lidinha! Bjs :)

      Excluir
  6. Ai eu amo essa trilogia então eu sou bem suspeita a falar! Eu simplesmente a acho perfeita. haha
    beijos

    ResponderExcluir
  7. Nunca tive preconceito com a trilogia, porém ainda não comprei pois acho muito caro pagar em três livros o preço de 90 reais, vou esperar um tempo, vou encontrar por 10 cada. Tenho curiosidade ademasiada p/ ler :]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vejo a hora de baixarem o preço! Quero comprar o box! hahaha

      Excluir
  8. E "bota" trilogia amada e odiada assim né?rs
    Eu pertenço ao grupo dos que gostaram muito dos livros. Sei lá, não consigo perder esse ponto romântico q tenho e mesmo juntando isso ao erotismo, continuei gostando do romance, do lance do principe encantado(tá, um pouco torto) mas não sei...isso me deu liberdade, digo depois de ler a trilogia, de me aventurar até nos textos mais eróticos no meu próprio blog.
    Sempre tive ideias, mas morria de vergonha. Hoje, coloco na boa e sem pudores.
    Continuei odiando a Anna(vai ser lerda lá longe) mas senti nela uma pontinha de crescimento nesse segundo livro.
    Vale a pena ler sim, para ao menos, tirar suas próprias conclusões.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Ah... nem posso opinar, se não li. É que não me despertaram a vontade, mesmo. Folheei o '50 tons' na livraria e não gostei do trecho que li, achei pesado, desnecessário, explícito. Já minha irmã gostou tanto que comprou este, os 'tons mais escuros'...
    Nada contra, há livros para todos, graças a Deus!

    ResponderExcluir
  10. Tenho curiosidade pra saber mais sobre o sr. Grey, mas o primeiro livro me deixou numa agonia que não consigo ler mais.

    bjus

    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Eu já li Cinquenta tons de cinza e as duas continuações já estão na minha meta de leitura de 2013!
    Vem pra mim Mr. Grey!!!!

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li a trilogia, mas realmente esse estardalhaço que ela fez no mundo inteiro, acabou me deixando super curioso pra lê-la. Acho que a galera gosta de criticar demais as coisas. A partir do momento em que a autora se propõe a fazer uma coisa e cumprir, a crítica tem que colocar o rabinho entre as pernas e aplaudir o sucesso. Rsrsrs

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  13. Ainda não li nenhum livro da trilogia, mas vontade é o que não falta, leria o livro só por causa da repercussão que ele teve, como você disse.

    ResponderExcluir
  14. Ainda não li esse volume, só o primeiro, mas em breve irei ler, adorei sua resenha...me deixou com muita curiosa para saber quais os conflitos que existem nesse segundo volume....

    Ótima resenha Dai...

    BjOs!!!

    ResponderExcluir
  15. Ainda nao li nenhum livro da trilogia, mas tenho vontade por conta do borburinho que ele fez quando foi lançado, adoro coisas polemicas

    ResponderExcluir
  16. Amoooo a trilogia!!!!!! Cinquenta Tons Mais Escuros é o meu favorito. Admiro E L James, pois ela mudou a historia do gênero literário . Sou apaixonada pelo Cristian Grey e Anastásia Steele....Recomendo para quem gosta de romance hot... com certeza vão amar!!!!!

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011