Resenha: Um gato de rua chamado Bob

by - segunda-feira, maio 27, 2013

Oi pessoal!

Resenha fresquinha! Vem conferir!

Autor: James Bowen
Páginas: 236
Ano: 2013
Editora: Novo Conceito

"Ele era um morador de rua e sem qualquer esperança... até que encontrou um gatinho cor de laranja"

Esse livro nos traz a história real de James Bowen, ele mesmo narra o livro. Bowen era morador de rua em Londres, lutava contra a dependência das drogas, e para conseguir dinheiro ele tocava violão nas ruas. Um dia ele tivera o sonho de ter uma banda, ser famoso, mas foram diversos acontecimentos que levaram James a sua situação que se encontrava, e nesse livro ele nos revela cada uma.
Certo dia Bowen encontra um gato laranja, com uma perna ferida, magrinho, que parecia estar com fome. Ele o batiza de Bob, e fica curioso se ele seria um gato acostumado com as ruas ou de alguma outra família. Ele cuida de Bob, lhe alimenta, o gato melhora do ferimento, mas quando o momento de dizer adeus chega, Bowen percebe que o gato não quer larga-lo. Assim os dois vivem diversas aventuras juntas, passam por momentos difíceis, situações divertidas outras perigosas, mas vão aos poucos construindo uma relação de amizade. Quando Bowen se dá conta, o gato o está ajudando a curar as feridas do passado, e a melhorar seu presente. A história desses dois é simplesmente incrível.


"Todo mundo precisa de um tempo, todo mundo merece uma segunda chance. Bob e eu agarramos a nossa”

Bob é um gato que tem personalidade própria, ele entende James, um acaba dependendo do outro, além de ser muito esperto. Em alguns pensei: não, isso não é um gato, ele é muito esperto. E em diversas cenas nos emocionamos com a amizade desses dois. É linda a relação que eles constroem.
É difícil não se emocionar com a história de James, tudo que ele passou, como um morador de rua vê e se sente, como é tratado, sabe quando a gente sente aquele tapa na cara? Refleti diversas vezes com esse livro, acho que não importa de quem é a culpa, se da pessoa, sociedade ou sistema, mas sim que todos somos humanos, e quando esse rastro de esperança surge, no caso o Bob, fica tão palpável a amizade entre eles, a cumplicidade, não tem como não ficar com os olhos marejados.
O que mais me deixou comovida com essa obra, é que ela é real. James nos conta também como é viver nas ruas, como se sentia, como as pessoas o viam antes e depois do Bob, a injustiça que presenciava, e como é difícil se livrar das drogas. Quando foi que esse vício terrível entrou em sua vida, e a dificuldade que enfrentou para deixar de ser dependente químico. É um caminho amargo, sofrido, mas recompensador, pois no final dessa caminhada estaria sua liberdade. E pensar que foi quando esse gato laranjinha entrou em sua vida, que tudo mudou.

"Suas palavras me assustaram. Se ele houvesse feito qualquer movimento em direção a Bob, eu o teria atacado. Eu o teria defendido. Como uma mãe defende a um filho. Era a mesma coisa, ele era o meu bebê."

A chegada do Bob, que para James era como seu bebê, fez com que ele adquirisse diversas responsabilidades, era uma boca a mais para alimentar, ele sempre se sentira sozinho, invisível a outras pessoas, mas em Bob ele descobriu mais que um animal de estimação, encontrou um amigo.
Eles passam por diversas situações juntos, algumas bem arriscadas, que nos deixa aflitos, outras divertidas e muito emocionantes. Esse livro é rápido de ler, e não consegui parar (fiquei até com vontade de ter um gato).
Toda a diagramação está bela, internamente há desenhos de patinhas, tem diversas referências e também conhecemos outro lado de Londres, aquele que não é mostrado na TV ou nos romances tradicionais. Bob é uma estrela, ele cativa as pessoas, além de ter um charme único.
Livro recomendado para quem quer uma história real, para quem ama gatos, ou para aqueles que querem um bom livro, com uma linda mensagem a nos passar.

"Era como se ele soubesse o que eu estava sentindo. Algumas vezes enquanto eu cochilava, ele se aproximava de mim e colocava o rosto perto do meu, como se dissesse:" tudo bem ai, companheiro? Estou bem aqui se precisar de mim"


Leia também

41 comentários

  1. Que livro é esse?? Tenho uma lista enorme, mas depois dessa resenha... Amanhã começo a ler. Quase chorei lendo a resenha kk.

    ResponderExcluir
  2. Olha, livros com animais, e principalmente com gatos, são raros, e quando a NC divulgou o lançamento do livro, eu fiquei bastante interessado, até mesmo pela capa, haha, que é impossível você não querer saber do que o livro fala e tudo mais. Sua resenha me empolgou mais ainda, e mesmo esse livro parecendo ter uma pegada "Marley & Eu", acho que ele é original ao seu modo, principalmente começando por ter um gato como o centro da história. Espero ler em breve :D

    ResponderExcluir
  3. Ai que lindoooo!!! Amo livros com animais, e esse daí só de ter visto a capa dele, já me apaixonei!! E em se tratando de diagramações bonitas, dá até mais gosto ainda de ler!! Mas fiquei sabendo de novidades, como essa parte de descobrir uma Londres diferente, com um assunto delicado sobre drogas. Quero muito esse livro.

    ResponderExcluir
  4. Own ... quero este livro pra mim... que historia mais linda... quando vi pela primeira vez já imaginei um Marley versão gato... mas entendi pela sua resenha que o Bob é o Bob ... vi os videos ... ele é lindo... e olha que não gosto muito de gatos...Mas ele e aquele cachecol ... é muito own *-*

    ResponderExcluir
  5. Gatos, gatos, gatos.. adoro gatos *-* e Kombis também, mas isso não vem ao caso.
    Eu lembro desse gato quando tinha assistido a reportagem que contava por cima a história desses dois.
    Tinha me encantado em como o gatinho ajudou a esse homem.
    E pelo jeito é pra se emocionar mesmo... Ai aiii...
    Muito linda essa capa, um gatinho mui estiloso e com personalidade.

    Amei saber um pouco mais desse livro.

    Bjus e até

    ResponderExcluir
  6. Quando vi a capa desse livro, não imaginava que a história era assim. Pensei que era um tipo de aventura ou coisa parecida. Achei bem interessante, e fiquei com vontade de ler. Gosto de animais, e sei do poder que essas criaturinhas tem de nos fazer mais felizes.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  7. Vou confessar que nunca li nenhum livro com animais. Comecei a ler Marley e Eu uma vez mas não consegui sair do primeiro capítulo. Não sei porque eu não gostei mas simplesmente não consegui prosseguir. Talvez porque prefiro gatos à cachorros, então não me chamou tanta atenção (apesar de eu AMAR o filme). Eu quero MUITO ler esse livro, acho que dele eu vou gostar.

    ResponderExcluir
  8. Oh que fofo!!
    Ainda não li o livro, mas estou com ele em casa.
    Ele me lembrou um pouco o Garfield rsrsrs
    Não sou mto fa de gatos, mas acho que vou gostar bastante do livro

    bjos

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Este livro parece ser lindo, uma história emocionante!
    Beijinhos*

    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. a principio não tinha me interessado muito neste livro pois não gosto de gatos, mas depois de ver comentários sobre ele comecei a ficar curiosa
    esta é a primeira resenha que vejo do livro, e tive vários pensamentos em comum com você :P
    fiquei super curiosa para ler *-*

    ResponderExcluir
  11. Que lindo, fiquei arrepiada com a sinopse e a resenha. Nunca terminei de ler um livro de animais com histórias reais (tipo Marley e eu) porque fico pensando no fim e acabo abandonando com medo de ficar depressiva :/ Mas juro como um dia vou terminar de ler e queria muito ler esse, é ótimo quando um livro desperta algum sentimento na gente, é ótimo quando entendemos sua mensagem.

    ResponderExcluir
  12. Dai esses quotes com certeza me deixaram com ainda mais vontade de ler o livro! os nossos amigos de 4 patas com certeza são super espertos e mais ainda são capazes de de nos compreender!eu quero muito ler esse livro, é a primeira resenha que tenho a oportunidade de ler, mas a cada dia estou mais curiosa

    ResponderExcluir
  13. Oi Daiane, tudo bem? Primeira vez que passo que, NOSSA, que blog lindo! Parabéns por seu cantinho *.*

    Quando vi esse livro na lista dos lançamentos da NC não me interessei por ele, na realidade, achei que o livro era bem superficial, mas pelo visto me enganei já que a trama passa uma mensagem legal. De qualquer forma, não sou muito fã de gatos, não que eu não os ache lindos e fofos, mas devo ter algum trauma de infância das minhas infinitas reações alérgicas, sem contar que com team dogs, rsrs, acho que por isso não me interessei pelo livro, mas consigo ver que deveria ter dado uma chance para ele - Mais um pro não julgue pela capa, rsrs

    Bjs

    Pah, Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir
  14. Adorei sua resenha, a história do Bob parece ser fascinante, o fato dele ser um gato de rua que encontra conforto em um outro morador de rua James é tocante, parece além de tudo ser uma história de superação e companheirismo. James mesmo tendo pouco, ainda sim estendeu a mão para acolher esse gatinho fofo.

    ResponderExcluir
  15. Nossa, acho que o fato da história ser real deixa tudo mais emocionante. Não tinha lido nenhuma resenha sobre o livro ainda, mas depois de ler a sua me encantei com a história! E isso que nem gosto de gatos... haha
    Tenho quase certeza de que choraria o lendo.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Adoro histórias com animais, por isso me interessei por esse livro, é só ter animal que eu quero... Eu nem teria vontade de ter um gato lendo o livro (assim como você) afinal, acredite se quiser, tenho 20 gatos... Pode parecer muito... e é.
    De qualquer parece ser uma história tocante, quero muito ler, mas o pessoal não tá falando muito a respeito.

    ResponderExcluir
  17. Desde que a Novo Conceito anunciou esse lançamento que eu quero lê-lo porque eu AMO animais!
    Agora sabendo que a história é contada por uma pessoa que vivenciou tudo isso fiquei mais curiosa ainda! Que jeito melhor de conhecer essa parte do mundo do que através das pessoas que passam por isso? Adorei e estou doida para ler! rs

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  18. Gostei do livro ser baseado em fatos reais, ele parece muito emocionante. O único que me desanima a ler é que geralmente em livros de animais eles morrem no final e eu acabo chorando muito.

    ResponderExcluir
  19. Não sabia que a história era tão profunda assim. Achei bem interessante o livro ser baseado em fatos reais e mostrar como uma amizade com um gato melhorou a vida do protagonista.
    Não sou muito fã de gatos, mas fiquei com vontade de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  20. Que historia lindaaaaa, e real né! Fui lendo a resenha e me a paixonando pela historia do James Bowen e o gato Bob, ai a gente percebe como os animais de estimação são companheiros, são carinhosos, são amigos de verdade! E esse gato da capa meu Deus, é lindo demais, parece o gato da minha vizinha, que mora mais aqui em casa do que na casa dele....não fomos nós que adotamos ele, ele que nos adotou! Linda resenha, parabéns, quero ler esse livro, mais que nunca!

    ResponderExcluir
  21. Eu até peguei o primeiro capítulo pra ler, mas juro que não gosto de histórias de animais hehe Chorei muito com Marley e eu e acabou aí. Foi o único livro de animal que eu li, e como não gosto de gato, vou passar longe desse. Mas que bom que você gostou. hehehe
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Ai que coisa fofa. Minha mãe está lendo o livro e amando. Lerei depois dela, é claro. A sinopse me agradou muito. Minha mãe me conta alguns spoilers né, fazer o que, então já sei meio o que esperar KK

    ResponderExcluir
  23. Bem, não é algo que eu costume ler, mas parece bem legal. Eu não gosto de gato, mas amo dogs, sou apaixonada pelo meu, que ja ta ficando velhinho, ai já fico pensando no pior, então procuro aproveitar e muito o tempo que tenho. O mais legal é que se trata de uma história real, bem comovente, uma pessoa que mora sozinha nas ruas e de repente tem alguém com quem compartilhar seus dias, compartilhar o lado bom da vida. Eu não gosto de livro assim pq costumo chorar horrores, então prefiro coisas mais divertidas, mesmo assim parece maravilhoso!
    Bj

    ResponderExcluir
  24. que fofo esse livro! Parece ser bem bom heim? Tinha visto uma resenha dele e achei bem legal a história, com essa foram duas me deixando doida pra ler. Bonita a história mesmo.

    ResponderExcluir
  25. Lendo a resenha me lembra um pouco Marley e eu! Nem dava onfiança p esse livro mas depois da resenha me fez ver com outros olhos .. quero ler =D

    ResponderExcluir
  26. Eu recebi esse livro ontem. Estou doida pra começar a ler, mas o livro Hot (Só tenho olhos pra você) me chamou na madrugada de ontem...eu não pude resistir...
    Mas esse livro eu vou começar amanhã!!!
    Todos estão falando muito bem desse livro e a editora lançou um concurso cultural. Eu já tô com uma ideia que acho que vai ficar bem legal...

    ResponderExcluir
  27. Esse livro deve ser muito lindo mesmo! Sempre é bom um livro que tem algo a nos ensinar :)

    www.pontodasletrasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Chorando horrores com a sua resenha aqui. ='(
    Que perfeição de livro, fiquei morrendo de vontade de ler.

    A gente vê muitas histórias de pessoas com seus cachorros que são grandes companheiros e tal, mas nunca vi ninguém falando dos gatos como grandes amigos também. Só o que se houve falar é que gato é interesseiro e tal.
    Só pessoas que não tem animal de estimação e muito ignorante mesmo para falar mal de qualquer animal, seja ele qual for.
    Eu tenho dois gatos aqui em casa e posso confirmar que eles são os amores da minha vida, estão sempre perto de mim e realmente gostam de mim.

    Vou ler logo esse livro.

    Beijos,
    Resenhando Books

    ResponderExcluir
  29. Confesso que não gosto muito de gatos, prefiro os cachorros, mas se a história é boa vou deixar minhas diferenças com gatos de fora e ler ao livro!
    Parece ser uma história bem bonita, estou bem ansiosa para ler o livro, gosto muito de histórias envolvendo animais, prevejo muito choro ao decorrer da leitura!

    ResponderExcluir
  30. Oiie
    Nao sou muito fã de gatos..
    logo, esse livro nao me atrai muito...
    pensei q fosse um livro mais infantil... mas nem é né?
    achei bacana ser uma história real!!

    bjs

    ResponderExcluir
  31. Ehhhh! A Dai deu cinco estrelas. \o/
    O livro parece ser muito emocionante e fofo.
    Num tem como não se apaixonar pelo Bob.
    Antes de ler essa resenha eu não tinha vontade de ler, agora já estou repensando sobre o assunto.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Já me emocionei só lendo a resenha, imagine lendo o livro. Amo gatos, tenho 3, sei o quanto eles podem fazer pela gente. Esse é um dos livros que aguardo com ansiedade a leitura.

    ResponderExcluir
  33. Que gatinho mais lindo esse da capa *-*

    A historia parece ser linda, mas tb triste, como toda luta por algo deve ser. Gostaria muito de ler esse livro um dia, não exatamente agora, um livro assim precisa ser o momento certo =P

    Bjoo

    ResponderExcluir
  34. Sem palavras para descrever a grandiosidade desse livro, eu amo gatos tenho os meus bebes, uma gata e um gato que são tudo na minha vida, entendi James perfeitamente, gatos tem sim personalidades próprias eles decidem o que querem ou não fazer e cada um tem o seu estilo, os meus em casa são como a água e o vinho, a Nina é minha marrentinha, já o Flashinho é meu meninão quer sempre estar grudado onde a gente está ele quer estar junto...gatos são lindo. A história de James é linda...esse livro é demais...um dos meus preferidos até hoje.

    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  35. A capa é muito bonita, mas a história não me agradou muito.

    ResponderExcluir
  36. Oi, Dai!
    Acho que esse é um dos livros mais lindos que a Novo Conceito já lançou. Sou completamente apaixonada por gatos e tudo que os envolve, claro. Sua resenha me rendeu arrepios e deixou meus olhos marejados. Toda a história de James e Bob... não sei nem o que dizer. Algumas pessoas acham gatos animais desleais, mas penso exatamente o contrário.
    Irei comprar esse livro o mais rápido possível, é uma questão de necessidade.

    Beijos
    http://enclausuradas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Eu me encaixo no "aqueles que querem um bom livro, com uma linda mensagem a nos passar" porque, na verdade, não gosto de gatos! Confesso que não fiquei nadinha interessada nesse livro desde que o vi pela primeira vez, mas agora depois de ler sua resenha até que me deu uma vontadezinha de lê-lo, porque sei que aí no fundo tem uma história linda e tocante (:

    Brunna Carolinne - My Favorite Book - @MFBook
    myfavoritebook-mfb.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  38. Uma das minhas maiores paixões são gatos, se eu pudesse teria vários, amo demais, então nem preciso falar como fiquei quando vi que esse livro seria lançado, né? Estou louca para compra-lo, parece ser tão bom, tão fofo, tão apaixonante, hahahahah.
    Além disso, sempre gostei muito de histórias verdadeiras, me conquistam de verdade.
    Parabéns pela resenha.

    Coral,
    http://universeforwords.com

    ResponderExcluir
  39. Não é meu bicho de estimação preferido, mas não posso dizer que não gosto de gatos, pois adoro, só não quero um de bichinho de estimação. A historia não me interessou muito, pois deve ter muita reflexão e estou em uma ressaca literária que sei que se começar a ler um livro assim não vou sair dela. Mas creio que quando acabar eu vou querer conhecer James Bowen e o Bob.

    ResponderExcluir
  40. Tenho visto muuuuuito esse livro por aí e uma amiga minha falou tão mal desse livro que acho que me fechei pra ele, mas acho que vou dar uma chance depois de ler essa resenha... Amo história com animais e melhor ainda se a história for real ♥

    ResponderExcluir
  41. Eu não resisto a livros com animais! Ainda mais com uma capa fofa dessas! A história parece ser linda, quero muito ler!

    Um beijo
    escolhasliterarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011