Resenha: Filhos do Éden - Herdeiros de Atlântida

by - domingo, julho 14, 2013

Olá pessoal!

Bora de resenha nova? \o/ Dessa vez do livro "Filhos do Éden - Herdeiros de Atlântida" do autor Eduardo Spohr, confiram:

Autor: Eduardo Spohr
Páginas: 473
8ª edição - 2013
Editora: Verus

Filhos do Éden - Herdeiros de Atlântida é narrado em terceira pessoa, conhecemos já no início a personagem Rachel, que pensava ser humana, mas na verdade é uma arconte, líder de um exército rebelde e se chama Kaira. Ela não se lembra de que na verdade é um anjo, pois lhe apagaram parte da memória. Enquanto isso levava a vida como uma universitária na faculdade de Santa Helena, mas os anjos Urakin e Levih são enviados a terra na missão de encontra-la e quando o fazem, não entendem porque fizeram isso com Kaira, e onde estaria o guarda-costas que deveria protegê-la?
Enquanto isso nos céus o arcanjos Gabriel e Miguel estão em guerra, pois Miguel pretende acabar com a humanidade, já Gabriel está do lado dos humanos. Kaira tinha uma missão antes dessa “perda de memória” e ela tem de ser cumprida, senão Miguel poderá ganhar essa batalha e assim os humanos serão destruídos. Qual era a missão de Kaira? Junto com Denyel, um anjo exilado na Terra que está em busca de anistia, ela parte para uma jornada de tirar o fôlego, enfrentando demônios, deuses, trilhando um caminho que os leva as ruínas da maior nação terrena anterior ao dilúvio, Atlântida.

"Se fosse humana, teria enlouquecido, o que segundo ela mesma não era uma hipótese descartada. Talvez tivesse entrado num profundo estado de catatonia, como resultado de algum transtorno mental. De qualquer forma maneira, esta era agora a única realidade que conhecia, então resolveu mergulhar de cabeça naquele universo que, embora fantástico, parecia intensamente real."

Este livro me surpreendeu de uma forma maravilhosa, quando me recomendaram a leitura me deixaram claro que era uma obra excelente e que eu iria gostar. Adoro livros de fantasia sobre anjos, já li muitos, mas este conseguiu superar todos que li anteriormente, ocupando o topo da lista de meus favoritos dessa temática.
Algo que me chamou a atenção nesse livro é a personalidade marcante de cada anjo, eles são guerreiros, e foram criados de uma forma que você consegue imaginá-los perfeitamente. Já no início do livro somos cativados às paginas repletas de mistério, ação, e uma aventura incrível criada pelas mãos de um autor tão habilidoso com as palavras.
Conhecemos as divisões do céu e até mesmo do inferno, as castas dos anjos, que podem ser mostrar como bons ou maus, o interesse de cada lado dessa guerra, e o risco que os humanos também correm. Há algumas cenas com flashbacks, o leitor é apresentado a várias dimensões diferentes da história, o que está acontecendo em outros lugares com outros personagens; então o foco não recai somente em Kaira e Denyel. Isso dá ao livro uma característica mais complexa, entretanto necessária, pois assim podemos entender as coisas melhor e ir mais a fundo nessa aventura.
Spohr não tem pressa em escrever, nos fornece muitos detalhes e isso nos ajuda a entender e ter uma dimensão do todo da história. É incrível a criatividade, e a forma como cada coisa se encaixa, a magnitude do enredo e como ele foi criado. Que mente brilhante! A cada nova explicação eu ficava empolgada, o autor pensou em tudo, de uma forma que o leitor não fica perdido.

"-Estão dizendo que Deus está adormecido?
 -Até que o sétimo dia termine, o que ainda pode durar milhares de anos - disse Levih. - Por enquanto, estamos por nossa conta. Anjos ou humanos, somos nós quem damos as cartas."

Gosto de livros de anjos que envolvem grandes batalhas celestiais, bem contra o mal, guerra, uma fantasia que te faz mergulhar de cabeça em um mundo que te deixa de olhos arregalados a cada página. Esse livro foi para mim um prato cheio, pois encontrei tudo isso e muito mais! Em alguns momentos me emocionei, também me diverti também com o jeito de Denyel, às vezes arrogante, mas ele tinha algo que me atraia, a personalidade irreverente e tão palpável. A impressão que tive é que Denyel, assim como os demais personagens, poderiam ser reais.
Quando lemos Filhos do Éden à sensação que temos é de estarmos dentro da história observando tudo, fazendo parte, sentindo e adentrando uma aventura fantástica. Ao terminar fiquei sem palavras, e pensei “por que não li antes?”.
Um livro muito bem escrito, com uma narrativa envolvente do início ao fim, muita criatividade, personagens com características tão reais, e que me deixou muito empolgada para ler o segundo “Anjos da morte”.
A editora fez um trabalho muito bom com a edição, desde a capa até a ótima revisão. Livro mais que recomendado, se você gosta de livros de fantasia, de anjos, Filhos do Éden é leitura obrigatória! 


Leia também

41 comentários

  1. Também gosto muitos dessas batalhas de anjos, o bem contra o mal, etc.
    Talvez eu leia esse livro mais pra frente, parece ser uma boa indicação. Só não vai ser agora pq no momento eu ainda estou naquela fase de querer ler apenas romances fofos. haha

    Beijos,
    Resenhando Books

    ResponderExcluir
  2. é a primeira resenha que leio desse livro, parece ser uma boa escolha, mas no momento não estou focada no mundo sobrenatural. Gostei de sua resenha, essa forma de descrever os anjos é envolvente. Quantos livros compõem a saga?

    ResponderExcluir
  3. Adorei o livro. Super minha cara, gosto bastante desse combate, dessa briga. Gostei por ser narrado em terceira pessoa também e a capa me agradou bastante, sem duvida gostei em todos os sentidos. Espero ler esse livro e muitos outros do mesmo genero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, leia Rodrigo! É mto bom *___*

      Excluir
  4. Também gosto muito de livros sobre anjos. Gostei da sinopse e da resenha. Entrou para os favoritos? Preciso ler já!

    ResponderExcluir
  5. Oie :)

    Nossa super me identifiquei com você, amo livros com batalhas e bastante ação hehehehe, beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  6. Ganhei esse livro essa semana! E depois dessa resenha incrível, vou lê-lo mais que depressa!!! Adorei!!!

    Beijos

    Gih
    http://kastmaker.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Tenho muita vontade de ler os livros do Eduardo Spohr. Sempre que ele participa do Nerdcast (adoro Jovem Nerd! rs) se mostra muito inteligente, gosta do assunto e vai atrás. Ele sabe o que está fazendo e tem muita pesquisa por trás destes livros.
    Fico muito animada quando vejo críticas positivas e mais ainda em saber que a narrativa e a construção da história deram super certo. Pretendo ler!
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Ahh sou louca para ler as obras do Eduardo, mas tenho preguiça haha :$
    Possuía um certo preconceito devido ao fato do autor ser brasileiro ( shame on me :p), mas isso passou e se havia duvidas após sua resenha vou criar vergonha na cara e vou ler u.u hahha

    ResponderExcluir
  9. Adoro o gênero fantasia e estou procurando um bom livro sobre anjos. Parece que Filhos do Éden é uma boa escolha. Achei a sinopse interessantíssima e gostei bastante do fato de cada anjo ter uma personalidade distinta.
    O livro já está na minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  10. Também adoro livros com tema batalhas celestiais !! Extremamente chateada pq teve uma promoção desse livro e do segundo na Sub e eu não comprei...quando voltar essa promoção, assim espero, vou comprar!!

    viciosdeumabaiana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li nada sobre anjos, mas tenho muita vontade! Acho que começarei com esse hein? Parece ser um livro bem legal, fiquei bem encantada pelo que foi dito na resenha! E o melhor que é autor brasileiro! rs

    ResponderExcluir
  12. Oi essa é a primeira resenha que leio desse livro, li só do livro A Batalha do Apocalipse, e fico muito feliz em saber que você gostou do livro, pois eu tenho ele e logo irei ler, e se tratando de um autor nacional é muito bom saber que o livro é tão bom assim, doida para conhecer os anjos e principalmente o Denyel.

    BjOs!!!

    @jannagranado
    http://livrospuradiversao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Li poucos livros sobre anjo, mas gostei dos q li!!!
    Pela capa eu não me atrai muito,mas amei muito a resenha!!!
    Os anjos sendo guerreiros vai ser uma novidade pra mim, gostei muito!!!

    ResponderExcluir
  14. Ainda não li nada sobre anjos... pasmem! Mas quero muito ler! Pensei em começar por Hush Hush, ou Fallen, mas essa história me parece bem interessante!!

    ResponderExcluir
  15. Eduardo Spohr é tão bom assim? Eu tenho A Batalha do apocalipse aqui em casa, mas até hoje não li (tá na minha meta desse ano do skoob!). Vou tentar acelerar a leitura e quem sabe (depois que um livro recebe nota 5, eu sou obrigada a dar algum crédito...) eu não leio este livro também?!
    Todos me falam muito bem desse autor, e pelo visto os elogios tem fundamentos.

    ResponderExcluir
  16. Comecei a ler mas não sei porque terminei acho que foi porque o começo era meio devagar e a história não me convenceu mas acho que vou tentar dar outra oportunidade porque também adoro histórias com anjos

    ResponderExcluir
  17. Oiie
    Eu gosto de livros de fantasia, mas os de anjo não sao muito meu estilo...
    Vi o qt vc gostou e falou bem do livro..
    mas nao faz meu estilo.. nao sei se vou ler algum dia.. =/

    bjinhos

    ResponderExcluir
  18. Olha, sempre quis ler algo do Sphor, e não é por falta de oportunidade, só não tenho o seu ultimo livro lançado, mas é que esses tijolões me assustam e muito! Também não curto muito livro que fale de anjos sabe? só gostei de hush, hush, mas também nunca li nada nesses estilo dele, batalha celestial e tal. Mas me surpreendeu, lendo assim a resenha, o tanto de coisa que ele criou ou pesquisou, deve ter sido muito trabalho, tão tal que por isso seus livros faze sucesso. Espero encarar seus livros em breve, quero começar pela ordem em que foram lançados, acho que é melhor.
    Bj

    ResponderExcluir
  19. OH, CARA!!!! Ler essa resenha me deixou com as faces quentes!! Por vergonha e pelo belíssimo tapa na cara que acabo de receber com suas palavras (rs). Estou com este livro em mãos e não o li ainda. Cada palavra sua, entusiasmada com o universo que este autor criou, me deixou fazendo a mesma pergunta que você fez ao término do livro: Por que não li antes!? (rs) Vou correndo me programar para conhecer Filhos do Éden e prestigiar esse belíssimo trabalho que muitos leitores dizem valer a pena!
    :D Obrigada pela opinião!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso! ele merece passar na frente da fila hahaha é mto bom!! para quem gosta de livros assim, ele é a pedida certa :)

      Excluir
  20. AMO esse livro!
    A capa é linda, a história é envolvente e muito bem contada e senti o mesmo que você em relação aos personagens!
    Ainda não li outros livros do Eduardo, mas estou loca pra ler o segundo Anjos da Morte.

    Adorei sua resenha!
    Beijos. ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah então vc me entende ;) fantástico não é mesmo? Tbm to louca pra ler o segundo!

      Excluir
  21. Amei a sua Resenha \o/
    Tudo o que você escreveu descreve o livro A Batalha do Apocalipse: Da Queda dos Anjos ao Crepúsculo do Mundo,nele também notamos as divisões do céu e até mesmo do inferno, as castas dos anjos, que podem ser mostrar como bons ou maus, o interesse de cada lado dessa guerra, e o risco que os humanos também correm.(peguei do texto,pois resume perfeitamente o que eu queria ^-^),Denyel me lembrou muito Ablon,por ser um Anjo exilado na Terra!
    Amei a Batalha do Apocalipse e tenho certeza que iria amar Filhos do Éden - Herdeiros de Atlântida \o/
    Amo quando um livro te prende e faz com que nos interessemos com a história, e as partes do livro ao qual ocorre flashbacks são incríveis \o/
    Eduardo Spohr é um ótimo escritor, ele faz com que a leitura flua de uma maneira incrível nem muito rápido mas também não muito lenta, cada cena tem seu tempo perfeitamente 'cronometrado' e com desfechos incríveis \o/

    Abraços = D

    ResponderExcluir
  22. Eu gosto muito de livros de fantasia, independente dos seres que são abordados. Ainda não li nenhum que tivesse anjos, mas tenho muita vontade. O legal nesse livro é que o autor não sai jogando milhares de informações sem explicação, muito pelo contrário, ele consegue inserir tudo no momento e tempo certos. Fiquei bem curioso pra ler.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  23. Vi que esse livro está fazendo bastante sucesso, ultimamente tenho me interessado mais por livros dessa temática com anjos e achei esse bem interessante!
    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Adoro histórias com anjos, mas nunca dei oportunidade para esse livro por causa de alguns comentários negativos de familiares que leram. Pela sua resenha, percebo que deveria ter dado oportunidade desde o início ao livro.

    ResponderExcluir
  25. Não sei se tem alguma coisa errada comigo, mas não consigo mais ler nenhum livro que seja com seres sobrenaturais, tipo anjos, vampiros, lobos, essas coisas. Acho que é tão "mais do mesmo" sei lá, posso estar errada, mas não seria um livro que eu leria, mesmo com uma ótima resenha.

    ResponderExcluir
  26. Além de achar a capa linda, a resenha me intrigou bastante, embora eu não seja tão fã de sobrenaturais e nunca tenha lido um livro sobre anjos.
    Vou adicionar aos desejados ;)

    ResponderExcluir
  27. Primeira resenha que leio desse livro, parece ser legal, mas nunca tive muita sorte com livros com essa temática, então sempre fico com um pé atrás. O engraçado é que adoro livros de fantasia, mas nunca gostei dos livros que li sobre anjos. Mas sempre ouvi muito bem desse autor, um dia desse irei dar uma oportunidade ao livro, pois adorei sua resenha, você descreve com tanta paixão, que nos conquista.

    ResponderExcluir
  28. Achei interessante, não conhecia tão bem o livro. Tenho vontade de ler exatamente pelo fato de puxar o passado, e tratar de assuntos até então atuais. Quem sabe um dia eu leio né? Seja como for, já está anotado!
    Beijo.

    ResponderExcluir
  29. Tanta gente fala bem desse livro que dá uma vontade de conferir pra ver se é isso tudo. Mas não consegui ainda e nem sei se vou..
    Bem, quem sabe um dia né? Decepção não vou ter pelo visto.

    ResponderExcluir
  30. Eu adoro fantasia, sabe? Só não sou fã dos anjos, se bem que os anjos da série Senhores do Submundo são demais. *--* Sou apaixonada pelos meus vampirinhos e fadinhas..
    Agora eu confesso que tô quase dividindo em 100x alguns livros do Spohr, porque é só resenha boa que acho na blogosfera sobre os livros dele!

    ResponderExcluir
  31. Engraçado é eu dizer que comprei ABdA em Março deste ano e que ainda não li. Um crime, não? Mas vou ler. Acho que adio a leitura por causa do tamanho – coisa que nunca antes me assombrou.
    Adorei a resenha de FdE e me deu mais vontade de conhecer logo a obra deste autor que parece ser muito talentoso.

    ResponderExcluir
  32. Eu tenho esse livro a muuuuito tempo na minha estante, comprei em uma promo, mas não tinha a minima vontade de ler. Agora fiquei curiosa!!
    *-*

    ResponderExcluir
  33. Oi Dai!!

    Todo mundo fala mto bem do autor e eu tenho a batalha do apocalipse mas ainda nao li.
    Adoro livros sobre anjos, especialmente as batalhas, mas passei por um época que li mto sobre isso entao precisei de uma pausa, agora estou com vontade de voltar e esse parece ser ainda melhor do que o livro que tenho dele rs.
    Ganhei o segundo entao preciso comprar o primeiro pra ler logo os dois :p, saber sua opniao me fez ter certeza que preciso comprar :)

    Bjooo

    ResponderExcluir
  34. Não curto livros com a temática de anjos. ):
    Mas essa obra é tão bem comentada que dá até vontade de arriscar. hehe

    ResponderExcluir
  35. Já ouvi muitos elogios ao autor, mas nunca tive oportunidade de ler algo dele. Apesar de nao gostar muito de anjos, esse parece ótimo, principalmente por envolver uma grande guerra e ter personagens de personalidades marcantes. Quero ler!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  36. Nossa, uma amiga minha já leu esse livro e adorou!
    Eu gostaria muito de ler. Não li muita coisa sobre anjos, e nem é uma dos meus temas preferidos, mas ainda assim acho que adoraria a leitura de Filhos de Éden. Parabéns pela resenha, me deixou mais vontade ainda de ler esse livro.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  37. Eu acabei me 'desviando' de livros com a temática de anjos depois que virou modinha, só me rendi a Hush, Hush mesmo...=* rs' Mas, esse pelo que você disse parece ter um diferencial que me faça apostar nele. :)

    "Algo que me chamou a atenção nesse livro é a personalidade marcante de cada anjo, eles são guerreiros, e foram criados de uma forma que você consegue imaginá-los perfeitamente." - pronto, já me ganhou *--* kkk' Adoro encontrar isso na leitura, personagens reais :)

    ResponderExcluir
  38. Estou de olho nesse livro há um tempão, desde a primeira vez que eu vi, fiquei interessada nele. Tudo nele me chama a atenção, a capa é linda, o enredo é interessante e agora com os seus elogios, estou ainda mais ansiosa

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011