Resenha: O Código Élfico

by - sexta-feira, agosto 23, 2013

Olá pessoal,

Vamos de resenha nova? Dessa vez do livro "O Código Élfico", lançado pela Editora Fantasy.

Autor: Leonel Caldela
Páginas: 573
Ano: 2013
Editora: Fantasy


Sinopse: A pequena cidade de Santo Ossário esconde muitos segredos. Entre os habitantes, Nicole, uma jovem corajosa, descobre estar ligada aos mistérios da cidade, o que a leva a uma investigação sobre o próprio passado. Seu pai foi um famoso assassino que pertencia à ordem de seguidores de uma deusa oculta, sacrificando inocentes em rituais. Em Arcádia, um mundo paralelo governado pela deusa, vivem os elfos. Criaturas perfeitas que há milênios sonham em recuperar o poder sobre os humanos. Finalmente veem a esperança no novo guerreiro Astarte, treinado em arquearia, que deve abrir o portal que liga os dois mundos e exercer o domínio da Rainha sobre a Terra. Astarte, no entanto, é o único que desconhece o seu destino, até o momento de cumprir com a sua sina. Avesso aos interesses do seu povo, o elfo resolve juntar-se aos mortais em Santo Ossário. Agora, Nicole e Astarte estão ligados a um mesmo propósito: reunir os habitantes da pacata cidade e derrotar os seres místicos que ameaçam dominar o mundo.

"(...) Ela mordeu o lábio. Com o celular na mão, começou a teclar freneticamente.
– Espere! Não vou lhe fazer mal, Nicole.
Ela se deteve por um momento.
– Então sabe o meu nome.
– Sou seu fã – proclamou.
– Você é um maluco?
– Segundo alguns.
– É um maníaco?
– Só nas horas certas.
– Isso realmente não tem graça.
– Desculpe, sou péssimo piadista. Não acompanho os programas de humor atuais, não conheço nenhum bordão.”


O código élfico lançado pela Fantasy, é escrito Leonel Caldela, o qual já é um autor experiente trabalhando como editor e tradutor de material para livros e revistas de RPG e romances de fantasia.
Em relação à leitura demorei um pouco para engatar e prender os olhos as páginas, pois no inicio senti muito do mesmo, e o excesso de detalhes me incomodava, parecia que estava sendo tudo repetitivo. Mas valeu a pena continuar, pois aos poucos o livro foi me prendendo, assim fui lendo e quando percebi já havia terminado.
Quanto aos personagens centrais, Nicole e Astarte, foram muito bem construídos e estavam envolvidos no mesmo propósito, descobrir os planos dos cultistas e derrotar aqueles que queriam acabar com a humanidade. Acontece um romance entre eles ao longo da história, mas não é nada forçado, o que passa uma impressão mais real ao leitor, e gostei bastante da forma como ele foi escrito. Já os personagens secundários são muitos, aqui vemos a face malévola dos elfos vilões, que são sanguinários, manipuladores e sem piedade.
 Caldela compôs seus personagens muito bem, esperava um pouco mais das descrições físicas deles para imagina-los melhor, mas não digo que isso foi algo ruim. Foi somente algo que senti falta, mas não atrapalhou a qualidade do livro.
O Código élfico nos apresenta a um mundo de magia, de fantasia, e com um toque de mitologia que me impressionou. Apresenta cenas de ação as quais são muito bem escritas por sinal, você se sente como se estivesse frente a um filme vendo tudo, pois as cenas se formam perfeitamente em sua mente graças a forma como o autor as compôs. Caldela mostra que é um bom escritor, que sabe escrever o que se propõem a criar.
Algumas coisas para mim ficaram meio confusas, mas talvez seja porque não li ainda Senhor dos Anéis (o qual muitos me disseram ser um influenciador nas obras do autor) e por não ter um conhecimento mais aprofundado nesse gênero. Acredito que para alguém que já tem experiência com esse tipo de obra, a leitura desse livro seja mais fácil.
 Entretanto, gostei do livro em geral, mesmo tendo achado que algumas coisas ficaram soltas e pelo menos para mim, precisava de uma explicação melhor. Mas como coloquei anteriormente, essa impressão minha pode ser resultado de minha falta de profundidade do gênero.
Não sou leitora ávida desse estilo de fantasia, há pouco tempo tenho entrado nesse universo e estou dando meus pequenos passos lendo um livro aqui e outro ali. A maioria dos que leio são de autores brasileiros, e em geral tenho gostado. A Fantasy vem fazendo um trabalho ótimo, escolhendo obras que realmente são exemplos de boa qualidade de autores experientes já nesse ramo.
Em relação à diagramação, ela está linda! Desde os desenhos da capa até a parte interna. Letras com uma fonte de bom tamanho, páginas amareladas, e capítulos bem divididos. Recomendo que leiam o livro, mesmo que não leiam muito do gênero assim como eu rsrs, mas é sempre bom ir conhecendo coisas novas, vai agregando mais ao leitor e expandindo nosso universo literário. Ler O Código élfico foi uma ótima experiência e pretendo relê-lo daqui a um tempo e absorver ainda mais dessa obra.


Leia também

11 comentários

  1. Eu to pirada querendo esse livro mas financeiramente ainda não dá pra mim.
    Gostei muito da resenha *_____*
    http://triplobooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Queri muito ler esse livro!!!
    =)
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  3. Resenha ótima, não chega a cansar porque não é muito longa, e dá para entender bem o que você quer passar... Apesar de gostar desse gênero fantasia, também não leio muito, mas estou aos poucos entrando nesse mundo... Gostei do livro, eu adoro os livros da Fantasy !

    eisaminhahistoria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. olha Dai eu não sei se leria esse livro, como vc aponta é bem sutil a magia e o sobrenatural, mas to com uma vontade de ler livros mais reais! não sei se me envolveria com a história

    ResponderExcluir
  5. Adorei a resenha e me deu ainda mais vontade de ler esse livro, já que a capa é bem bonita

    Bj
    Vanessa
    bookistheanswer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá.
    Não conhecia o livro, mas me interessei bastante..é bem meu tipo de leitura!
    Vou anotar o título para uma possível compra...espero gostar da leitura.
    Adorei a resenha! ^^

    beijos

    Gih
    http://kastmaker.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Eu amei a sua resenha.
    O livro parece ser incrível . Confesso que não conhecia nem o livro nem o autor do livro, mas o livro entrou na minha listinha de desejos e gravadinho na minha memória.
    Parabéns pela resenha.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  8. Oi amiga parece ser bem interessante o livro, não me lembro de ter lido
    nada parecido, só não curti a capa talvez não seria um livro que me chamasse
    a atenção quantos aos detalhes realmente se não for ambientado acaba se tornando
    cansativo, mas pela sua resenha da para gente ter mais idéia do que esperar
    da leitura!
    bjkas
    livrosjaneladaimaginacao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. O livro é lindo mesmo, demorei um pouco para engatar também, me parecia tudo muito doido, mas Caldela é meu autor nacional favorito.
    Assim que vi que ele tinha lançado mais um livro comprei na hora sem nem olhar a sinopse direito rsrs

    Ótima resenha, parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  10. Eu me amarro em livros com essa pegada. E que bom que você não deixou de lê-lo devido a esse começo um pouco conturbado.
    Também acredito que devemos ler o maior número de gêneros e autores possíveis, pois amplia muito nossa mente.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011