Resenha: O que você quiser

by - quarta-feira, agosto 14, 2013

Olá pessoal,

Confiram a resenha do livro "O que você quiser - Envolvida por um bilionário" publicado pela Editora Planeta.

Atenção: Livro Erótico, resenha e leitura do livro recomendada para maiores de 18 anos.

Autora: Sara Fawkes
Páginas: 301
Ano: 2013
Editora: Planeta

Sinopse: O trabalho temporário de Lucy Delacourt não é o emprego dos sonhos, mas paga suas contas. O momento alto de seu dia é andar de elevador com um atraente desconhecido. Tudo muda no dia em que o desconhecido a seduz. Completamente fora de si, ela se entrega sem nenhuma resistência, mas não imagina que aqueles momentos de delírio com um homem que ela nem sabe o nome irão mudar sua vida para sempre. Isso porque o rapaz sexy é ninguém menos do que Jeremiah Hamilton, um bilionário executivo que não se contenta com uma noite para satisfazer seu prazer. Conforme o endinheirado envolve Lucy em seu mundo de ambiciosos negócios e audaciosas aquisições, ele exige nada menos que sua total rendição. 


“Eu não permito me perguntar porque ele me escolheu ou o que iria acontecer – agora eu só queria sentir.

O que você quiser - Envolvida por um bilionário, segue a linha dos novos lançamentos eróticos. Já nas primeiras páginas o clima entre Jeremiah e Lucy esquenta. Esse clima forte entre os dois logo me chamou a atenção. Todo o inicio da narrativa segue com essa tensão sexual entre eles, e logo Jeremiah faz a proposta para Lucy, a qual deverá ser sua assistente pessoal, e fazer tudo o que ele quiser - tudo.
Fawkes descreve as cenas de sexo de forma bem detalhada e não economiza nas palavras.  Algumas cenas da pegação deles me deixou meio assustada (e olha que leio muitos livros eróticos, então é difícil me assustar), como a primeira cena de sexo entre eles, em que não foi usada uma proteção, isso me incomodou bastante, já que o risco de pegar doenças e tudo mais é enorme. Tudo bem que é um livro erótico e tudo mais, mas acho isso uma questão muito importante e que o autor deve sim ter cuidado. Não é porque o gênero é erótico que tudo deve ser liberado, pelo menos ao meu ver.
Para os que não gostam daquela "melação" e romantismo todo, não precisarão se preocupar. Os personagens são adultos, maduros, sabem muito bem o que estão fazendo e a relação inicial entre eles envolve mais sexo mesmo, o "amor" vai até aparecer, mas ao final do livro.
Como o livro é narrado em primeira pessoa pela Lucy, vamos entender o conflito de emoções inicial que ela enfrenta como a forte atração por Jeremiah e como a relação entre eles vai mexendo com ela depois e confundindo seus sentimentos. Lucy não é uma mulher muito experiente, enfrenta muitos problemas, mas ela não me irritou. Já Jeremiah é um ex-militar, orgulhoso, bilionário, está acostumado a ter o controle de tudo, não é de falar muito, não é romântico, e tem uma guerra declarada com seu irmão, Lucas.

"- Eu prometi lhe dar o que você quisesse e falei sério. Pode acreditar: sou mais resistente do que pareço."

Após as primeiras cem páginas, o livro fica meio morno, poucas ações, com um clima sobre o que os dois realmente sentem um pelo outro, coisas assim. Mas o final chega há surpreender um pouco, pois algumas verdades envolvendo a trama e a família de Jeremiah vem à tona. Algumas coisas considerei como previsíveis, outras não.
O que me incomodou foram como essas revelações foram feitas, sabe aquela coisa de novela mexicana? Que os personagens estão juntos e dai vai pipocando de tudo quanto é lado aquelas verdades que deixam todos com expressões de "Oh!". Não gosto disso. Porém teve algumas cenas com mais ação, outras que realmente me deixaram angustiada para saber o desfecho. Agora esse momento de todo mundo junto à lá novela mexicana, me irrita em qualquer livro.
Já o desfecho final, eu gostei. A última cena, o que aconteceu e tudo mais, achei muito bom. E como tenho tendências a gostar de "vilão” isso favoreceu ainda mais. Muita coisa ainda ficou em aberto, acredito que serão revelados nos próximos livros, infelizmente eles são publicados lá fora por partes, não sei como será feito aqui no Brasil. O fato de ser uma série desanima um pouco, confesso que comecei a lê-lo sem saber disso, mas vou continuar lendo aos poucos.
Não é meu erótico favorito, não entra na lista dos preferidos, a estória como um todo achei normal, tendendo a ser fraca. Mas é um bom passatempo, um livro para se ler em uma tarde. Para quem quer um erótico que não seja tão meloso e ao mesmo tempo queira algo fácil de ler, o recomendo.


Leia também

7 comentários

  1. Oiii estou percebendo que os livros eróticos não são o meu forte, li Cinquenta tons, mas parei no primeiro me faltou vontade para ler os próximos da série,li recentemente A Bibliotecária e o achei fraco se comparado a outros eróticos, o bom é que acho que não é uma série, pelo menos não tem porque ser uma série. Gostei da sua resenha, como sempre sincera e esse livro não entrará para minha lista de desejados, quem sabe um dia mas não agora.

    BjOs!!!

    @jannagranado
    http://livrospuradiversao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. acho que o autor deveria ter cuidado com este fato de os personagens não terem usado proteção... afinal, muitos jovens acabarão lendo o livro, e isso pode influenciar né :S
    pela sua resenha, parece que o autor deixou o sexo como ponto mais importante neste livro, e isso não me agrada muito ;x

    ResponderExcluir
  3. série é fogo, porque mesmo independente de história livre e a gente quer saber e quer ter! eu acho que ja ta meio sem graça séries eróticas, um ou outro livro ate vai, mas série erótica so a da Bella andre pra mim!

    ResponderExcluir
  4. Romances eróticos não fazem meu gênero. E sua resenha me deixou bem desanimada ( novela mexicana) e o livro não irá para minhas leituras...

    ResponderExcluir
  5. Até o final da resenha eu tinha interesse em lê-lo porque também leio bastante livros eróticos, infelizmente é série e não tem nem ideia de como será lançada aqui no Brasil já que lá fora é feito em partes.. Essa é uma daquelas series que eu vou ler apenas quando terminar de ser lançada. u_u

    ResponderExcluir
  6. Oie, bom livros desse gênero parei no cinquenta tons que gostei muito e esse parece ser legal, de vez em quando é interessante ler livros assim, apimenta a relação!
    O titulo do livro é bem sugestivo e chama atenção, não conhecia ele!
    bjs
    Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  7. Também achei esse romance como descreveu, flor... Um passatempo interessante para quem deseja um livro erótico sem grandes reviravoltas. Eu, particularmente, nem lembro muito da história (rs). Mas lembro que uma das coisas que mais gostei no livro era o fato dela se achar meio gordinha e feinha... ^.^

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011