Resenha: Peça-me o que quiser, Agora e Sempre

by - terça-feira, outubro 29, 2013

Olá pessoal,

Vamos para a resenha de "Peça-me o que quiser, agora e sempre", segundo volume da série "Peça-me o que quiser", lançado pela Suma de Letras! Não deixem de conferir!

Autora: Megan Maxwell
Páginas: 400
Ano: 2013
Editora: Suma de Letras

Atenção: Livro erótico, leitura não recomendada para menos de 18 anos. Se você ainda não leu o primeiro volume da série, recomendo que não leia esta resenha. Mas se desejar, leia a resenha do primeiro livro aqui.


Acredito que todos nós ficamos com o coração apertado com o final do primeiro livro, eu não me aguentava de ansiedade para este, e o que posso dizer ao terminar o segundo volume é: incrível! Em Peça-me o que quiser, agora e sempre Jud está tentando se recuperar da tristeza após ter deixado Eric e pedido demissão de sua empresa, ela fica na casa de seu pai, em Jerez. Mas Eric está arrependido, e quer sua morena de volta, sendo assim não mede esforços para ter sua Jud de volta, mas ela é muito teimosa.

Entretanto negar a atração que existe entre eles está acima de seus esforços, por maiores que eles sejam. Não resistindo ao desejo e a paixão que sentem um pelo outro, nossa protagonista volta para os braços do Iceman, mas com uma condição, quem dita às regras agora é ela! E ele terá que aceitá-las para não perdê-la novamente. Tudo estava indo bem, só que Eric é chamado com urgência para Alemanha, e Jud vai com ele. Chegando a casa de Eirc, ela conhece o sobrinho de Eric, e terá que se adaptar as novas mudanças. Até que ponto ela aguentará, e como manter um relacionamento com uma pessoa tão diferente, em que as diferenças podem trazer um fim eminente ao namoro?



 “antes eu tinha três vícios. Coca-cola, morangos e chocolate. Agora acrescento um, mais forte e poderoso, chamado Eric. Eu o desejo... Desejo e desejo. Não importa a hora, o momento ou o lugar... Eu o desejo.”


Ai meu Deus que livro! Um dia Megan Maxwell ainda me mata do coração. Peça-me o que quiser, agora é sempre é muito intenso. Jud continua com seu humor incrível e personalidade forte, mas em alguns momentos sua teimosia me irritou, é totalmente perceptível o quanto ela estava sofrendo por estar longe do Iceman, o qual estava tão arrependido. Ok, ele merecia sofrer um pouco pelo que aconteceu no fim do primeiro livro, mas Jud soube como castigá-lo nesse segundo volume.

Os dois são muito cabeça dura, isso deixa o livro com um toque de humor a mais, porém em alguns momentos eles parecem gostar dessa dor e cedendo as suas teimosias, sendo totalmente masoquistas. Agora quando eles voltam ai sim tudo fica incrível. Maxwell nos presenteia com cenas que são puro desejo, emoção e muito sexo, as quais são picantes e não deixa a desejar, a autora sabe muito bem como prender os leitores.

Eles se amam isso é evidente, mas será que o amor suporta tudo? O sobrinho de Eric começa a mostrar suas garrinhas, ele é uma criança que vive praticamente na frente do videogame, já Jud acredita que ele tem que se divertir mais, andar de bicicleta, jogar futebol, e não somente ficar em frente à TV, mas o Iceman tem um senso de proteção enorme com sua família, chegando até mesmo a exagerar, Jud sabia disso, e ele não admitia que o sobrinho sofresse riscos. A moça tenta se aproximar do menino, sendo legal, divertida, mas capetinha (para não dizer outra coisa), não da o braço a torcer, tem ciúmes da Jud com seu tio, e apronta algumas pra cima dela.

Nesse livro vemos um relacionamento maior da Jud com a família de Eric, e também ela começa a conhecer melhor seu alemão. A forma como Jud começa entrar de vez na vida dele é linda. Mas nem tudo são flores, algumas coisas mais 'graves' acontecem, mas nossa espanhola de sangue quente que não leva desaforo para casa sabe dar a volta por cima, e nos rende cenas brilhantes!

Maxwell nos presenteia com um erótico maravilhoso, intenso do começo ao fim, são tantas emoções que este livro nos transmite, ficamos com raiva, choramos, rimos, brigamos com os personagens, os defendemos, ela realmente sabe como levar o leitor ao extremo. As cenas quentes são sexy, muito picantes e envolventes, ou seja, é um romance erótico que não deixa a desejar em nenhum sentido, seja nas cenas de sexo ou na construção dos personagens e na trama.

O final foi simplesmente perfeito, me levando as lágrimas, e agora fico me perguntando o que a autora aprontará para o terceiro, confesso que me dá até medo e um aperto no coração, mas se tratando de Maxwell já posso esperar um livro quente e surpreendente.

Peça-me o que quiser não é uma série só de sexo, embora esse se faça presente, mas também de um casal que luta para superar as diferenças, aprender com erros e juntos trilhar um novo caminho, no qual marcas do passado não os atrapalhem. Juntos eles tentam construir um relacionamento sólido, tendo como base o amor que sentem um pelo outro. Mas a convivência não é algo fácil, aprender a viver com os defeitos do outro e passar por todos os momentos bons ou ruins, ou seja, aqui se retrata também essa realidade que todos que embarcam numa vida a dois enfrentam ou já enfrentaram.

Recomendo para todos os fãs de eróticos, Peça-me o que quiser, agora e sempre é um livro ousado, que vem romper com qualquer tipo de preconceito, através de personagens cativantes e uma história envolvente. Um livro quente em todos os sentidos, que nos rende uma leitura muito prazerosa.



Leia também

4 comentários

  1. De todos os romances eróticos que tenho visto por aí, esse me parece que é o mais completo em relação a tudo. Existe as cenas de sexo bem hot, as personagens são as mais complexas e a trama em si me parece ser muito bem encaixada. Resumindo, fiquei bem curioso pra ler.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  2. Lembrando do Sorteio de aniversário do blog Eu Curto Livros Recife. Serão 3 sorteados. Participem!!!!!!!

    http://eucurtolivrosrecife.blogspot.com.br/2013/10/aniversario-do-blog.html

    ResponderExcluir
  3. estou curiosa por essa trilogia, gostaria de ler e ver se tem essa completude de fatores para tornar boa uma obra ou se é só mais uma modinha...
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi flor eu curto livros desse gênero, adorei a resenha e sinopse do livro, e a capa super simples a ao mesmo tempo é linda que adorei!
    bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011