Resenha: Eu me chamo Antônio

by - quinta-feira, janeiro 23, 2014

Autor: Pedro Gabriel
Páginas: 192
Ano: 2013
Editora: Intrínseca

Sinopse: Eu me chamo Antônio é uma narrativa que transita por todas as fases de um relacionamento amoroso: com um estilo simples e acessível, mas nem sempre óbvio, o leitor acompanha os encontros e desencontros de Antônio. Percebe-se uma irreverência no tom de versos e trocadilhos como: “Invista nos amores à primeira vista”. Outras emoções são apresentadas de forma singela, quando há uma separação, por exemplo: “Você, distante, diz tanto sobre mim”. Enquanto a angústia, sentimento que faz parte da instabilidade de qualquer casal, também é citada no livro: “Na dança do amor: dor pra cá, dor pra lá”. Antônio é um personagem sensível e verossímil, talvez seja por isso que os leitores cultivem a dúvida sobre até onde vai a linha tênue que separa a realidade da ficção.


Pedro Gabriel é conhecido por fazer desenhos em guardanapos de papel com lindas imagens e poesias, as quais ficaram famosas através de sua página no facebook em que ele as compartilhava. Em Eu me chamo Antônio, conhecemos o personagem através dos desenhos, frases e mensagens passadas. Mas este não é um romance no estilo que conhecemos... é diferente.

Na primeira página Antônio se apresenta como um personagem que está sendo escrito, e o que se seguem a seguir são páginas com imagens de guardanapos desenhados, com poemas, frases, etc. Cada imagem inspira poesia, elas falam de amor, liberdade, perdas, sonhos, enfim as efemeridades e também sentimentos que fazem parte de nossas vidas.  São páginas repletas de poesias, sonhos, e ao fundo dos desenhos e escritos do autor há fotografias diversas que dão um realce a mais as páginas.

As palavras desenhadas algumas vezes acompanhadas de ilustrações dão a algo simples como um guardanapo uma vivacidade poética, transformando uma coisa tão despercebida às vezes por nós em uma arte que reflete não somente Antônio, mas nós próprios. É impossível não se identificar ou se simpatizar pelo que o autor escreve, são palavras singelas, mas cheias de significados.

"É que, às vezes, precisamos perder amores para ganhar poemas."

O talento do autor com as letras é latente, ele as une de forma inteligente e com um toque doce cria frases e versos carregados de significados. São puros, são verdadeiros, são tocantes... São gostosos ler e ver. Servem para refletir ou apenas sentir.

Em alguns momentos me esqueci do personagem e me aproximei das imagens, mas parando para pensar não houve distanciamento, mas sim aproximação. Antônio é como eu, você, Pedro Gabriel, como vizinhos ou amigos, é uma pessoa com sentimentos, com paixões, que já amou ou ama, que sonha e que vive. Talvez não haja aqui um romance com seus capítulos, parágrafos, ou pontos, mas com certeza há sentimento. Afinal quem disse que nossa vida é baseada em enredos? Somos feitos de surpresas...

A diagramação, claro está belíssima, são páginas de fotos e imagens dos guardanapos, letras em variadas fontes, algumas que não entendi, mas tem um sumário ao final, assim podemos ver as que não entendemos.  A Editora Intrínseca mostrou um capricho com a edição, que se tornou não somente um livro, mas também uma obra de arte. Eu me chamo Antônio é um livro delicado e inspirador, com imagens de um artista e poeta que expressa em versos sentimentos e sussurros íntimos de tantos corações.

Leia também

30 comentários

  1. Oie :)

    Apesar de não me interessar por esse livro, eu acho bem bonito. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ainda não adquiri este livro, mas só de ver o que é publicado na página "Eu me chamo Antônio", já concordo com tudo o que disse na resenha. Adoro ler os guardanapos publicados no face e, com certeza, vou adorar o livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oie :)
    Primeira resenha desse livro que eu vejo e pelo que eu entendi não tem uma história a ser contada e pelo que eu percebi através de sua resenha é tudo o que pensei que o livro seria ou melhor é. Minha vontade só aumento, quero muito conhecer o trabalho de Pedro Gabriel
    Beijos, Brubs
    Livros de Cabeceira
    contodeumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Primeira resenha que eu leio desse livro, mas nem me chamou muito a atenção...

    ResponderExcluir
  5. Nunca tinha escutado falar sobre esse livro nem lido nenhuma resenha mas não gostei muito do livro.Achei um pouco confuso,mas achei essa capa uma graça!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Eu vou ganhar esse livro de Natal, uma amiga minha já avisou para eu não comprar tb. Acompanho o trabalho do autor no facebook, ele fala com a nossa alma mesmo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Apesar de não curtir muito livros de poemas achei muito interessante o fato dos poemas serem escritos em guardanapos, eu curti a página do Pedro no facebook e estou amando.

    ResponderExcluir
  8. ainda não comprei o livro, mas já andei dando umas foleadas nele lá na livraria, e ele é incrívelmente lindo! só fiquei meio decepcionada, pois esperava ele ser capa dura :(
    adoro a página do autor no face, e ele é muito bom nos guardanapos dele :D
    quero comprar logo, mas não sei quando vou conseguir ler...

    ResponderExcluir
  9. Noossa quando vi a capa e a sinopse desse livro tive certeza que não ia querer ler, mas através da sua resenha deu pra perceber que ele é um livro bem poético e reflexivo e o melhor de tudo o Antônio é um ser humano normal igual a qualquer um de nós! Eu tinha medo de ler esse livro por causa da forma que ele é escrito, mas... mudei de ideia! rsrsrs
    Beijos!

    http://meudiariojk.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu acompanhava a página do Pedro no facebook um pouco antes do livro, e já adorava ver aqueles poemas e guardanapos. Mas agora que a intrínseca lançou esse livro, eu venho almejando muito esse livro. Parece ser lindo demais. Vi algumas fotos do livro, e putz, quero muito. haha Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  11. Super me encantei para ler, vou colocar no topo da lista agora! E vi em alguns blogs fotos do livro e é realmente incrível!!
    Boa resenha, beijos!

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Achei o livro interessante e com um tema diferente e gostoso de ler. Adoro poemas. E se as páginas estiverem cheias deles vou amar ler. Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Já vi publicações dele no Facebook e achei algumas até legais, mas nada que me faça ter vontade de comprar este livro. Parece ser bonito, mas não me chamou a atenção. D=

    ResponderExcluir
  15. Vejo este livro como um romance muito diferente, criativo: especial!
    Já tive a oportunidade de vê-lo, tocá-lo e é lindíssimo!
    Parece um diário...
    Já li alguma coisa no face.
    Quero este livro ♥

    ResponderExcluir
  16. é muito interessante ver a nova forma de escrever que o autor encontrou pra inovar!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Não conhecia o livro nem o autor mas ja fiquei curiosa e ate fascinada poe este livro tão diferente, deve proporcionar sensações muito distintas a cada virar de pagina e tenho a impressão que ele o torna único não somente por ser escrito da maneira q foi mas pelo fato de se poder folear o mesmo livro amanha ou semana q vem e ter sensações completamente diferentes. Uma vez que imagens e frases pode nos dizer uma coisa em um dia e em outro outra totalmente diferente ;)

    http://mensagensreflexoesemais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Sigo a página que deu nome ao livro e sou completamente apaixonada pelos guardanapos. A forma que o Pedro Gabriel usa para se expressar... os trocadilhos, os desenhos, até o formato das letras... Tudo tem um significado tão especial e reflexivo. Não vejo a hora de ter minha coletânea de guardanapos!

    ResponderExcluir
  19. Já conhecia este livro mas ainda não tinha lido nenhuma sinopse! Achei muito interessante, bem diferente e criativo, fiquei curiosa para conhecer o interior e a arte do autor, deve ser mesmo lindo e inspirador, ótima resenha! :)
    beijos ♥
    quemprecisadetvparaverbeyonce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. Eu adoro a página no facebook "eu me chamo antônio", tem vários poemas e frases lindos, além do desenho e da escrita, que fazem toda a diferença. Tenho muita vontade de ter um desses pra poder apreciar ainda mais de perto o trabalho do Pedro Gabriel.
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Oiee

    Já vi algumas mensagens no canal do Instagram e sempre achei muito legal, as vezes é bom ler algo diferente mas que mostra sentimentos parecidos.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  22. Não dava nada por esse livro! Adoro esses livros que os personagens são tão palpáveis por problemas simples e semelhantes aos do leitor que o livro se torna uma extensão dos nossos pensamentos.

    ResponderExcluir
  23. Acompanhava as publicações no facebook mas não imaginava que pudesse parar num livro.
    Por imagens que vi na internet, a diagramação ficou linda e os versos do autor parecem fazer uma combinação perfeita. :)

    ResponderExcluir
  24. Sinceramente, no inicio meu interesse nesse livro era nulo, porque aparentemente vivo no mundo da lua e não tenho a mínima ideia de que pagina do facebook é essa rs

    Mas então comecei a ler resenhas, e parece ser um livro realmente bom e que vale a pena ser lido.

    ResponderExcluir
  25. Amiga vou te falar verdade que eu não curto muito esse lance de frases, versos e etc.
    Mas esse livro é sempre tão bem recomendado que eu estou considerando a possibilidade de comprar e apreciar. Na minha opinião deve ser um maravilhoso livro de cabeceira =)

    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Oi, li poucas e boas resenhas a respeito deste livro, mas ainda não me empolguei com a leitura. Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  27. Confesso que não sou muito fã de poesias, mas vi algumas fotos desse livro, e achei bem bonito visualmente. O que me parece é que é um tipo de livro que se ler rápido, mas nos deixa dias e dias refletindo sobre aqueles guardanapos exalando arte por todas as partes.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  28. Para ser sincera, conheci Pedro Gabriel depois do lançamento de seu livro, e é muito curioso o que ele faz: desenha em guardanapos de papel. Voltando ao assunto do livro, não tive vontade de lê-lo no primeiro momento, mas saber o que contém dentro dele, me deixou um pouco mais interessada. Pretendo lê-lo em breve e conhecer um pouco mais do mundo de Antônio :]

    ResponderExcluir
  29. Já ouvi muitos coméntarios a respeito deste livro... Mas livro nunca havia me chamado a atenção, talvez por seu título e sua capa não serem tão atrativas...
    Mas depois de ler esta resenha e algumas outras e ver o que há dentro do livro, fiquei com muita vontade de lê-lo...
    Bjs

    ResponderExcluir
  30. Minha irmã é doida pra comprar esse livro e sempre compartilhava as imagens no facebook, talvez quando ela comprar eu dê uma olhada para ver se é assim tão bom... É algo completamente diferente pra mim, não sei... mas vou falar a verdade, eu não gostei muito não... Tomara que eu esteja enganada!

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011