Resenha: O guia de Charlie Joe Jackson para quem não gosta de ler

by - terça-feira, março 25, 2014

Autor: Tommy Greenwald
Páginas: 246
Ano: 2014
Editora: Novo Século

Ninguém nesse mundo gosta menos de ler que Charlie Joe Jackson. Pelo menos até agora, ele tem conseguido viver sem ler um livro inteiro sequer. Só que Charlie Joe está prestes a entrar no Fundamental II, e está cada vez mais difícil escapar da leitura. Quando Timmy McGibney fica cansado de encobrir todas as malandragens do amigo, Charlie Joe vai ter de quebrar a cabeça para arrumar novas formas de fugir dos livros, mantendo intacto seu recorde de “não leitura”.



"O guia de Charlie Joe Jackson para quem não gosta de ler" é um infantojuvenil escrito por Tommy Greenwald, que tem filhos que infelizmente não gostam de ler e se inspirando nisso resolveu escrever um livro com dicas para quem não gosta de ler, porém de forma bem humorada. Assim conhecemos a história de Charlie Joe Jackson, o menino detestava ler, tinha sérios traumas relacionados à leitura, e sempre que seus trabalhos escolares envolviam leitura era seu amigo Timmy quem lia e depois fazia um resumo para ele.

Mas Timmy um dia se cansou, e assim Charlie se viu sem saída, precisava de um novo plano para que alguém lesse seus livros e ele conseguisse entregar os trabalhos. E assim segue a história com as desventuras de Charlie, nos garantindo boas risadas e trazendo como fundo diversas lições.

O que me chamou a atenção nesse livro é o título, eu gosto de ler (e muito), mas fiquei pensando em como seria um guia para quem não gosta. Estava procurando um bom infantojuvenil, então resolvi dar uma chance a este. E posso dizer que gostei. O livro é irônico, Charlie é muito engraçado, ele não entendia porque havia pessoas que gostavam tanto de ler, e nos conta sua opinião e também enrascadas em que se mete tudo para fugir dos livros.

Entre as dicas, Charlie conta sua história em vários capítulos, o que nos prende a atenção e nos deixam curiosos, pois será que ele iria se sair sempre bem tendo quem lesse para ele? Será que um dia não aconteceria algo errado? E gente, ler é tão bom! Será que o menino vai ser sempre assim? Bom, ai vocês também terão que ler para descobrir.

Nas páginas há algumas ilustrações, não são muitas, há bastante texto, a fonte é em bom tamanho, e seu enredo se encaixa perfeitamente dentro do gênero, que tem como foco a galerinha entre os dez e treze anos. O guia de Charlie Joe Jackson para quem não gosta de ler é divertido, gostoso de ler, além de ser inteligente, levando a sério o jovem leitor e o envolvendo. Leitura indicada para os que gostam de ler e para os que não gostam, ou se tem um irmãozinho/irmãzinha etc que não gosta, com certeza vale a pena dar de presente, porque aposto que ele vai ler, e o melhor, se surpreender. 

Leia também

17 comentários

  1. Mostrei esse livro pra minha irmã, e ela adorou, acho que eu já tenho pra quem dar de presente haha
    Mas até eu leria esse livro, achei a história engraçada e até fiquei curiosa pra saber até onde o Charlie vai se dar bem assim, fugindo da leitura.
    O título é super instigante, adorei. Ótima dica =)
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Não parece ser muito o meu estilo de livro, mais fiquei curiosa quando você disse que o livro da dicas de como escapar da leitura, tem gente aqui em casa que também não gosta de ler, por isso eu acho que talvez seja uma boa dica de leitura para quem não gosta muito de ler, ou talvez essa pessoa acabe pegando as dicas do livro pra pode colocá-las em pratica para nunca mais ler kkkk. Mais a sua resenha ficou ótima.

    ResponderExcluir
  3. Oi Dai,
    Gostei da resenha, as vezes sinto necessidade de ler um livro assim, leitura super leve e divertida que no final sempre nos trazem uma boa lição.
    Se tiver oportunidade com certeza irei ler.

    Beijos!!!

    @jannagranado
    http://livrospuradiversao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. quem nunca fez isso: pedir para um amigo ler e fazer o resumo? hahaha
    quando entrei na escola e a professora pedia resumo, eu sempre sofria com isso, mas pelo contrário, todos vinham atras de mim para eu fazer o bendito resumo hahaha
    ainda mais quando chegamos numa certa série e a professora não exigia nenhum livro específico, ou seja, a gente podia escolher o livro que quissesse resenhar. pronto, eu era super requisitada! :P
    tá na cara que o livro é divertido, e já estou até pensando em comprar e dar para o meu priminho que não gosta de ler hehe
    que bom que o livro não é um tipo de auto-ajuda, e que tenta mostrar de forma seca e grossa como se deve gostar de ler...

    ResponderExcluir
  5. Não tem como não lembrar de meu sobrinho: Cau^vive inventando desculpas para não ler os livrinhos que levo pra ele. Diz que está cansado, que não vai entender e coisa e tal. e eu fico procurando diversas maneiras de incentivar a leitura dele. Adorei a resenha e lembrei de quando eu tinha de ler livros na escola e morria de preguiça, daí a professora pedia pra fazer um resumo e eu colava dos colegas, e no fim a danad fazia arguição oral!!! kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. como você conta é uma história bem humorada, apesar de achar tão doido alguém não gostar de ler! O livro pode incentivar a leitura inclusive!

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie Daiane! O título é bem chamativo mesmo, achei bacana fato do autor inspirar nos filhos dele pra escrever essa história, infelizmente as crianças de hoje acabam preferindo o mundo tecnológico do que o mundo fantástico proporcionado pelos livros. Fiquei curiosa pra ler esse infanto-juvenil por ele ser um livro descontraído, irônico e reflexivo!!!

    Beijos!


    Meu Diário

    ResponderExcluir
  8. Shuhesahua amei, adoro livros infanto-juvenil, apesar de ter dado um tempo acho que vou voltar a ler esse gênero ....

    ResponderExcluir
  9. hahaha!!! Achei esse livro a minha cara!! Não que eu não goste de ler e tal, eu adoro! Mas a história em si com esse quê de comédia, mesmo sendo voltado pra galerinha de 12/13 anos, eu simplesmente adoro ler esses livros! Quando eu tinha essa idade foi justamente quando eu comecei a devorar os livros, no final do ano sempre tinha uma premiação para aqueles que mais leram na biblioteca da escola e eu estava entre os tres primeiros algumas vezes, ok. ahhh haha. Acho que seria super divertido ler e ver o que acontece no desenvolver da história. bjs!

    ResponderExcluir
  10. Isso deve ser uma comédia, me lembrou minha irmã que não gostava de ler e eu lia os livros dela para depois explicar o enredo para ela fazer as provas.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  11. Quando a editora postou sobre a publicação do livro no Facebook um rapaz publicou: "mas quem não gosta de ler não vai querer ler o livro" e achei o comentário completamente certo.
    Esse tipo de livro geralmente tem ilustração mesmo, nem que sejam poucas, mas não me interessei pela obra, não faz meu tipo de leitura.

    ResponderExcluir
  12. Sempre que pego um infantojuvenil para ler, fico pensando nos leitores dessa faixa etária, me coloco no lugar deles (tenho primas que estão nessa fase e a mais nova adora ler!) e nessa geração que já nasce na frente de um computador e com um celular nas mãos. Enfim, é sempre um momento de reflexão.

    ResponderExcluir
  13. Não tenho irmão/irmã pequeno, mas quando eu tiver um sobrinho ou até um filho, vou fazer ele ser viciado em ler, se depender de mim, ele vai ser um leitor nato <3
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  14. Não tenho muito costume de ler infantos juvenis, mas com certeza conheço algumas pessoas que deveriam ser motivadas a ler.

    ResponderExcluir
  15. Não é meu tipo de leitura, mas achei interessante a ideia do livro. Aqui em casa o pessoal faz qualquer coisa pra fugir da leitura, eu sou a única que tem o vício literário. Vou indicar pra minha irmã, quem sabe ela não se anima a ler?

    erikarufo@gmail.com

    ResponderExcluir
  16. Ahah, parece muito divertido =)
    Tenho primos pequenos e iria amar ler para eles e tudo mais, até ler para eu mesma kkkkkkkkk eu curto livros assim, levinhos =)

    ResponderExcluir
  17. Esse livro é fantástico. Li e estou triste por ter terminado, embora no livro ele fala sobre ser sentimento haha. Vi que o autor tem outros livros, que envolve o Charlie Joe, mas não os encontro em português além desse. Me ajudem!! Abraços!!

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011