Resenha: A Escolha

by - quarta-feira, junho 04, 2014

Autora: Kiera Cass
Páginas: 351
Ano: 2014
Editora: Seguinte
Atenção! Este é o terceiro livro da série A Seleção. Não há spoilers na resenha, porém recomendo lê-la somente quem já leu pelo menos o primeiro volume.

A Seleção mudou a vida de trinta e cinco meninas para sempre. E agora, chegou a hora de uma ser escolhida. America nunca sonhou que iria encontrar-se em qualquer lugar perto da coroa ou do coração do Príncipe Maxon. Mas à medida que a competição se aproxima de seu final e as ameaças de fora das paredes do palácio se tornam mais perigosas, América percebe o quanto ela tem a perder e quanto ela terá que lutar para o futuro que ela quer. Desde a primeira página da seleção, este best-seller #1 do New York Times capturou os corações dos leitores e os levou em uma viagem cativante ... Agora, em A Escolha, Kiera Cass oferece uma conclusão satisfatória e inesquecível, que vai manter os leitores suspirando sobre este eletrizante conto de fadas muito depois da última página é virada.


Chegamos ao último volume da trilogia A Seleção, da autora Kiera Cass. E como todo último de livro de série que vou ler, fico com o coração apertado, apreensiva com os rumos tomado pelo autor. Sempre me apego muito aos personagens e nem sempre estou preparada para dar adeus aos mesmos, fica aquele gostinho de saudade dentro do peito, como quando vamos nos despedir de alguém que gostamos sabe? Só que em livros... Eu sei que vocês me entendem, pois também são bookaholics e conhecem esses dramas. Enfim, chega de divagações e vamos agora à crítica!

O segundo livro foi mais intenso, com os rebeldes e com os personagens com sentimentos conflituosos, principalmente America, e claro, os ânimos do rei com a garota não estavam lá aquelas coisas. Em A Escolha, senti uma America mais firme, mais consciente do que queria, e principalmente: mais forte. Embora seja a decisão de Maxon que importe para a coroa, e o bom é sentir aquele gostinho de “quem será?”, já que ficamos um pouco com um pezinho atrás sobre o que o moço vai fazer (dando um friozinho na barriga em nós leitores), sabemos que quem tem a grande escolha em mãos é America, pois enfim decidirá para quem entregar seu coração.

Eu gostei do rumo que a Cass deu a sua história, gostei do livro, porém tenho algumas ressalvas a fazer que me incomodaram um pouco. Achei que muitas coisas foram corridas, como em relação aos rebeldes, e o desfecho dessa parte deles também. O foco do livro é com certeza o triângulo amoroso, porém senti que essa parte distópica mais uma vez deixou um pouco a desejar, foi meio “leve”, faltou um maior aprofundamento, para mim, tudo se resolveu meio fácil demais.

" - Pode partir meu coração. Mil vezes, se desejar. Sempre foi seu para machucar como quiser."

O que America não me irritou, Maxon o fez. Senti vontade de pegar o príncipe pelo pescoço em alguns momentos, algumas coisas me soaram como infantilidade demais, porém, Maxon é Maxon, não tem como odiá-lo por muito tempo. Já em relação ao Aspen, gostei do moço nesse livro, está com um ar mais confiante e maduro, que me arrancou uns bons suspiros, porém teve uma coisa em relação a ele que me incomodou bastante, não direi o que é, claro, mas sabe quando algo não desce muito bem no primeiro momento? Pois então...

Cass terminou bem sua trilogia, com um desfecho lindo que me fez desejar mais páginas pela frente. Mas algumas coisas foram rápidas demais, alguns detalhes mereciam uma exploração maior, como certos momentos decisivos que todos nós esperamos durante nossa leitura desde o primeiro livro.

A narrativa está mais uma vez deliciosa, foi uma leitura rápida, o que foi bom e ruim ao mesmo tempo, porque quanto mais rápido eu lia mais com o coração apertado eu ficava. Pode não ter sido um livro perfeito, porém não consegui conter a emoção no final. A Escolha está com uma carga emocional maior, nos reserva algumas surpresas e leves ataques cardíacos. Adorei o rumo que as coisas tomaram e as escolhas feitas.

Se você já leu o primeiro volume e o segundo, com certeza tem que ler este. A Seleção se encerra de uma maneira doce, que deixa os leitores com lágrimas nos olhos, mas também com um sentimento gostoso de que foi uma história que valeu a pena acompanhar, pela sua delicadeza e pelos romances. Prepare-se para chorar, rir, e assim como os personagens ter seus sentimentos levados ao limite, a escolha foi feita, agora basta você também ler e descobrir!

Leia também

11 comentários

  1. ainda não li porque euro ler tudo de uma vez e ainda falta esse livro e o de contos! estou muito curiosa não só para saber com quem America fica, mas também saber como fica a história da rebelião!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Daiane :)

    Fiquei em dúvida se lia ou não lia sua resenha, devido ao aviso, decidi não ler, pois A Seleção será uma das minhas próximas leituras, espero gostar. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Tenho lido tantos comentários dessa trilogia que estou morrendo de curiosidade para lê-la.
    Aja bolso para tantos livros desejados.

    ResponderExcluir
  4. Ameeeeeeeei sua resenha. Terminei de ler ontem e me indentifiquei com o que você disse. O Maxon foi infantil, mas ele é tão maravilhoso. Com o fim da trilogia senti que meu coração se quebrou.

    ResponderExcluir
  5. aaah, estou super curiosa para ler este livro.
    mas também estou triste porque a série vai acabar né :(
    todas as resenhas que li vi a galera comentando que se irritou muito com o Maxon! hahahaha
    espero gostar deste ;~~

    ResponderExcluir
  6. Oi Daiane tenho muitas expectativas com o encerramento desta trilogia. Espero gostar como você gostou.
    Bjs, rose.

    ResponderExcluir
  7. Eu só consegui fazer meus trabalhos depois que eu li esse livro!! haha gostei bastante, senti de tudo, raiva, vontade de chorar, momentos awww.. etc, mas esse fato das coisas serem bastante corridas em relacao a distopia tambem me pegou um pouco, em alguns momentos fiquei tipo.. é serio q é só isso?? mas em geral o livro é ótimo a trilogia os contos do principe e do guarda e agora vou esperar por the queen. bjs!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Daiane
    Já li A Escolha e adorei. Achei que a autora fechou a trilogia com chave de ouro. Esse livro me fez sentir várias emoções ao mesmo tempo. Adorei o final, foi perfeito.

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bom?
    Como você disse, foi uma série cheia de percalços durante os livros, mas que foi fechada de uma forma muito bacana. Eu gostei da forma com que a Kiera trouxe os personagens nesse terceiro livro porque eles pareceram mais maduros. O Aspen fez eu gostar mais dele nesse livro e as mortes me chocaram e angustiaram nessa reta final.
    Foi uma série rápida, divertida, apaixonante e que também teve seus pontos baixos.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Dai, querida, tenho lido algumas resenhas desse desfecho da serie. COmo nao li ainda nenhum e tenho A Seleçao aqui, fico apreensiva com o que pode ser esse final. Mesmo gostando, os leitores sempre fazem ressalvas ao fechamento da historia. Ainda assim me sinto curiosa para ler e descobrir e, assim, ter a minha opiniao sobre o que andei filtrando pela blogosfera. Suas observações são importantes, considero bastante.
    Beijo!

    Minha resenha novinha aqui: Ler para divertir

    ResponderExcluir
  11. Dai fiquei mega chateada com esses livros por conta de uma blogueira. Li as resenhas dela sempre e quando chegou nesse livro ela contou o final: assim sem mais nem menos, e você com tanto cuidado colocou que mesmo sua resenha não tendo spoilers era melhor a gente ler antes os livros achei super fofo. Você parece entender melhor do que muitas blogueiras o que é resenhar sem ser chata! Ai flor li e tirou o peso que a outra menina deixou! Obrigada!

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011