Estou de volta!

by - terça-feira, setembro 16, 2014


Oi gente, tudo bem? Quanto tempo não venho aqui conversar de pertinho né? É eu sei... Mas hoje estou passando aqui só para dizer que não me esqueci de vocês, que posso ter andado um pouco distante, contudo não os abandonarei rs.

Esse último ano foi uma loucura, literalmente, minha vida mudou completamente e em todos os sentidos. Tudo começou quando minha mãe descobriu que estava com câncer, eu morava em Curitiba e então decidi vir morar temporariamente em São Paulo para cuidar dela durante o tratamento.

Foi um tratamento longo, difícil, passei a conhecer hospitais intimamente, ver a morte de perto, conhecer pessoas hoje e amanhã elas já terem partido, fazendo-me pensar a respeito da brevidade da vida. Não foi fácil ver minha mãe passando pelas quimioterapias, pelas dores, pelo sofrimento, a mim também doía, pois não podia fazer muita coisa, eu não podia tirar a doença dela. Então, fazia o que sabia fazer, a incentivei a continuar. Nesse período também perdemos meu avô (pai de minha mãe) e assim aprendi a mais uma vez a conviver com o luto.

Meses depois, ao término das quimioterapias, e repensando minha vida, optei pelo meu divórcio, chegando ao fim um casamento que durou 5 anos. Fácil não foi, porém aquela era a melhor opção para ambos, e assim me mudei definitivamente para São Paulo. E foi ai que comecei a me afastar do blog, pois minha vida pessoal estava exigindo de mim um tempo para reflexão. De certa forma minha escrita sempre refletiu pequenos fragmentos de mim, eu não poderia escrever, postar, apenas para preencher vazios, ou para manter o blog em dia, acima de tudo gosto da sinceridade das coisas que escrevo, e o faço unicamente por prazer. Sempre acreditei que o leitor que entra aqui, deve receber um post escrito com carinho, e não por obrigação.

Não pensava em desistir, mas em mudar, em fazer algo novo. Minha vida vai além da literatura, essa é uma das partes que me compõe, contudo também há outras, e eu quero trazer mais isso para o blog. Por um tempo meu ritmo de leitura diminuiu bastante, visto que minha mente estava longe, focada em outras coisas. Várias pessoas me ajudaram nessa fase, embora eu tenha me isolado um pouco, mas de verdade, pude me redescobrir.

A Daiane de hoje está muito diferente daquela de um ano atrás, agora ela não reclama mais da vida, sorri mais, e acredita que o câncer em sua mãe não foi a pior coisa que lhe aconteceu, mas sim uma das melhores. Pois foi somente depois de sentir a dor de pertinho, que ela aprendeu a dar valor as alegrias que tem, foi ao pensar que perdeu tudo que passou a dar valor ao que tinha. Agora eu sei o valor dos momentos, do viver, das lágrimas e saber enxuga-las depois, a se levantar mesmo quando pensar não ter forças. A vida me deu uma oportunidade de acreditar mais em mim, a amar mais, a buscar minha felicidade e a reconhecer os pequenos presente que ela nos da. No fundo, eu estava doente de alma, e foi através de minha mãe que eu percebi que poderia me curar, bastava querer, e eu quis.

As coisas estão voltando no eixo, a minha mãe está se curando e na parte final do tratamento. Antes saímos das consultas cabisbaixas, aturei pessoas que chegaram em minha cara e diziam que ela não aguentaria, mas bem, seguimos o tratamento certinho, uma luta gigantesca, um passinho de cada vez, e quando vimos já estávamos superando expectativas. Hoje os cabelos dela já estão grandinhos depois de um tempo careca rs, e a cirurgia para retirada completa do tumor é daqui 2 dias. O que consideramos já uma vitória.

Eu estou bem, me conhecendo um pouco mais, aprendendo um pouco mais, e com um novo fôlego nos pulmões. E ah, não contei aqui, mas um texto meu será publicado em um livro de antologias em Portugal, daqui 4 dias. Mais uma vitória que eu realmente não esperava.

Mas e o blog? Ah o blog continuará! Tem muitas resenhas ainda para postar, muitos textos para ir ao ar, muito papo com o leitor para colocar em dia, muita coisa ainda por vir... Não prometo que tudo será logo, e rápido, não... virá com calma, no meu ritmo, algumas mudanças nas postagens também acontecerão, e parcerias reduzidas. Meu foco não é ter mais parcerias, não é se destacar na blogosfera literária, mas sim apenas fazer desse um espaço cada vez melhor para mim e para vocês. Que ao entrarem se sintam bem, e que de alguma forma minhas palavras lhes agreguem alguma coisa, ou simplesmente, lhes vala o tempo.

Mudanças no começo dão medo, mais depois a gente vê que ela são necessárias, e sem elas, ficamos apenas girando em volta de uma órbita que pode ser muito mais e além do que é. Um beijo da gorda! E bem, esse foi um pedacinho do que que passei nesses tempos para vocês entenderem o porquê de minha ausência.

Leia também

7 comentários

  1. Eu sempre te disse isso e volto a repetir: você é guerreira e ter passado por tudo o que passou e continuar em pé firme e forte só comprova isso. Deus sabe o peso que nossos ombros são capazes de suportar e ele jamais colocaria algo que saberia que não aguentaríamos, você foi forte, sei que muitas vezes teve vontade de desistir e de seguir em frente sozinha, sem sofrer, mas no fundo sabia que isso não a faria feliz, as escolhas que fez foram as melhores possíveis. Tudo na vida é baseado em escolhas e temos que estar cientes que virão as consequências...muitas delas serão boas, felizes, outras nem tanto...Tenho orgulho de ter te conhecido e poder te chamar de amiga, entendo que esse tempo "reclusa" foi necessário...e saiba que sempre estarei aqui para te ouvir quando precisar. Te adoro Dai.

    Beijos!!!
    http:///livrospuradiversao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. quantas mudanças! mas graça a Deus a tormenta passou! e saiba que pode contar com a gente!
    depois volte e conte mais sobre esse livro!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Uau, Daiane! Gostei muito do que você falou, sobre querer que seu blog fosse um espacinho especial, com a sua cara, e é isso mesmo que o blog deve ser. Não dou mais tanto valor a parcerias; o importante é me sentir bem com meu blog, com minhas leituras, com meu ritmo. E estou assim. Meu blog tem minha cara, eu escrevo o que gosto...

    E que lição a vida te deu, hein! Imagino que não seja nada fácil ver sua mãe passar por um câncer, aquele humano que você provavelmente mais ama na face da Terra (no meu caso, meu pai e minha mãe). Mas com certeza houve um ponto positivo nisso! Nada como saber o valor da vida, porque ela é curta comparada à eternidade que virá.

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Já sabia da doença da sua mãe, até porque você comentou aqui no blog um tempo atrás, mas não imaginava essa reviravolta toda na sua vida, da mudança, separação e tudo o mais.
    Já percebi que na vida, as coisas que pensamos ser a pior coisa, normalmente vem para nos mostrar alguma coisa boa. Já passei pelo o que você está passando, com doença na família e tudo o mais, e isso só me fez perceber o melhor da vida, e, principalmente, o quanto eu reclamava de coisas fúteis!
    Fico feliz em ver que agora as coisas estão entrando nos eixos. É impossível mesmo mantermos o ritmo de leitura com toda essa carga sobre nós, não é mesmo? Mas aos poucos tudo vai se ajustando. Sempre penso que Deus não nos dá uma carga que ele acha que não podemos carregar, então, pense nisso!
    Boa sorte para você, sua mãe e toda a sua família. Espero que tudo, realmente, melhore. E que claro, você volte para aqui! :D
    Ah, não esquecendo, fiquei MEGA feliz por saber sobre seu texto ser publicado. Meus parabéns!!! *-*
    Um grande beijo ♥

    ResponderExcluir
  5. Oie Day!!!! Nossa você enfrentou muitos obstáculos, mas isso vem para te fortalecer, desejo muito sucesso e fé nessa tua nova jornada, fiquei super feliz em saber que um texto seu será publicado!!!! QUe você continue firme e espero por muiiitas resenhas e textos aqui no blog!!! Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde :)
    Quantas barreiras você teve que enfrentar ein?
    Mas podemos ver que você é guerreira,gostei :)

    E bem vinda de volta.
    Beijos

    www.rimasdopreto.com

    ResponderExcluir
  7. Menina, acabo de conhecer o seu blog, e justamente quando você está volta! Um ótimo sinal, não acha? Seja bem vinda :)

    Um abraço,
    Monalisa
    www.literasutra.com

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011