Resenha: Se eu ficar

by - sexta-feira, setembro 26, 2014

Autora: Gayle Forman
Páginas: 224
Ano: 2014
Editora: Novo Conceito

Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.


Se eu ficar foi um livro que eu estava contando nos dedos os dias para chegar em casa! Ansiedade para ler era pouco, então logo que o recebi me deleitei com sua leitura, que embora tenha sido proveitosa de uma forma geral, fez com que eu tivesse algumas ressalvas.

Desde o começo percebi que seria uma história sensível, tanto que já nas primeiras páginas essa característica nos salta aos olhos. Eu tentei me colocar no lugar de Mia e entender um pouco sua dor, e tudo que ela teve que passar tão repentinamente e ainda ter a decisão em suas mãos de ficar ou não enquanto estava “fora” do corpo, já que estava em coma.

Nesses entremeios do presente em que Mia está nessa situação, o seu passado também vai sendo apresentado ao leitor. O que vemos é uma menina apaixonada pelo seu namorado e também pela música. Senti que a autora explorou bem essa parte do amor da personagem pela música e seu instrumento, de uma forma que me convenceu, e fez com que me identifica-se, pois também amo música e tenho as teclas de um piano como a extensão de meus dedos.

Mas a medida que os capítulos foram passando, senti que a história foi ficando mais morna, não tinha mais toda aquela emoção inicial, tanto que a leitura para mim foi se tornando até mesmo mais lenta. Ao meu ver a autora quis tentar tocar o leitor com a história de Mia, porém não se preocupou em se aprofundar mais, como se a ideia da obra já fosse o suficiente para emocionar, e não é. Em algumas cenas consegui me sentir mais tocada de certa forma, como a do acidente, mas o livro como um todo não foi tão extravagante nessa questão, pelo menos para mim.

Mesmo com uma boa narrativa, algumas passagens descritas me soaram um pouco vazias, monótonas e comecei a questionar se meu coração tinha endurecido no espaço de alguns minutos. É uma história bonita, claro, mas se fosse um pouco mais aprofundada ficaria muito melhor. Contudo, percebe-se a delicadeza e a sensibilidade com que o livro foi escrito, o que fez a leitura valer a pena mesmo com as ressalvas que apresentei.

Se eu ficar é uma boa história, mesmo me decepcionando em alguns quesitos ainda assim gostei, pois a mensagem passada nos faz pensar sobre as constantes escolhas que fazemos e também sobre a perda, o amor, e tantos outros sentimentos que nos compõem. Gostei do desfecho e ao meu ver não precisaria de um segundo livro, mas mesmo assim vou ler. Leitura recomendada, mas não vá com muitas expectativas.

"Se eu ficar, Se eu viver. A escolha é minha.
Todo esse lance de coma induzido é papo de médico. Não cabe aos médicos. Não depende dos anjos que não podemos ver. Também não depende de Deus que, se existir, está em algum outro lugar por aí neste momento. Só depende de mim.
Mas como é que eu vou decidir isso?"

Leia também

5 comentários

  1. Pelas várias resenhas que andei lendo sobre o livro dá pra notar que o livro em si não trás tanta emoção assim como era esperado, tô com ele aqui pra ler mais não sei se o leira no momento.
    Mesmo assim espero conferir o filme e a obra, gostei da resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Eu me identifiquei bastante com a sua resenha! Na verdade, senti algo bem parecido em relação a esta leitura... pra mim foi meio impossível não me imaginar no lugar da personagem e sua aflição quanto a decisão que deveria tomar me deixou aflita tbm rs, só que realmente, ao decorrer da leitura, o livro ficava meio morno, aí vinha um flashback foda, e mais livro morno... ficou nesse "esquenta esfria" que me desanimou um pouco kkk Adorei a resenha!]

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  3. estou bem ansiosa pata ler esse livro, tem todos os elementos que gosto!
    espero me emocionar demais com os personagens!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. ainda não li este livro, mas estou curiosa. o filme me decepcionou bastante, mas gostei da trama. confuso? kkk
    eu gostei da trama pelo fato dela não se focar apenas na parte triste, mas sim em mostrar além dos problemas que a personagem esta passando
    gostei do romance dos dois, e acho que isso se sobresaltou na história.
    me emocionei bastante! :P

    ResponderExcluir
  5. Li há uns dois anos atrás e gostei muito, lembro que me emocionei ao longo da leitura. Já viu o filme? Eu ainda não.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011