Resenha: Os 13 Porquês

by - domingo, abril 09, 2017


Sabe aquele livro que fica de canto e todo mundo te diz “você tem que ler”? Mas como boa aquariana do contra eu sempre deixava Os 13 Porquês de lado, até que vi o trailer da série baseada no livro que estrou pela Netflix, e achei muito intrigante. Assim como mais uma curiosa, resolvi ler a obra de Jay Asher. E não é que ela é boa mesmo?

Suicídio é sempre um tema pesado pra se escrever, não adianta, é forte, o leitor já espera sofrimento e lê com a garganta embargada, como se nos sentássemos de maneira mais rígidas em nossas cadeiras enquanto folheamos páginas não tão confortáveis. Sendo assim, não foi uma leitura fácil, contudo era envolvente, e a todo o momento eu queria descobrir mais uma fita, e mais um porque que se somou à decisão de Hannah.

Nas primeiras páginas um leitor mais apressado poderia julgar “é só mais um drama adolescente”, “essa decisão por conta de um coração quebrado?”, não, meus amigos, não é bem assim. Hannah estava dentro de um ambiente hostil, cercada de dor, e todos nós sabemos como o ambiente escolar pode se tornar seu pior inimigo quando se é o alvo de um bullying cruel. Cada um sabe como as coisas lhe pesam. Cada um tem sua forma de sentir, não existe medida para a dor, só quando se sente é que se sabe as consequências que ela trará.

Hannah gritava por ajuda nos detalhes, e ninguém percebeu e muito menos ajudou. Todos os personagens são facilmente identificáveis com pessoas que você já conheceu um dia. Eles são palpáveis, e tão reais que se você fechar os olhos por um minuto conseguirá se recordar de alguém como eles que já passou por sua vida.

Asher conseguiu com maestria e criatividade trabalhar um tema forte dentro de uma narrativa envolvente e perfeitamente entrelaçada, de forma que não há dúvidas ou pontas soltas em seu enredo. Sua escrita é leve, rápida, e soube trazer a voz de Hannah de um jeito que ela permanece em nossas mentes muito, mas muito tempo depois que você já terminou de ler o livro.

Este não foi o melhor livro que já li na vida, mas está entre os que mais me marcaram. Uma leitura rápida, que você faz com um nó na garganta, reavindo memórias caso as tenha. Os 13 Porquês é doloroso, em alguns momentos doce e em outros cruel, mas acima de tudo é real. É uma leitura para todos que desejam por um minuto sair da zona de conforto, e encarar uma literatura que espelha o mal que todos nós jovens um dia já passamos. Um conselho: leia com a mente e o coração abertos, deixando seus próprios julgamentos de lado. É tempo de ler e também de ouvir, pois um socorro pode estar entoando ao seu lado neste momento, e você ainda nem percebeu. 

-

Também já assisti a série e comentarei sobre ela num próximo post.


Autora: Jay Asher
Páginas: 256
Ano: 2009
Editora: Ática
Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker, uma colega de classe e antiga paquera, que cometeu suicídio duas semanas atrás. Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.

Leia também

2 comentários

  1. Alguns alunos meus comentaram sobre essa série. Eu apenas havia lido a sinopse e algumas resenhas. Achei intrigante e preocupante ao mesmo tempo. Conversei muito com eles sobre o assunto, afinal são adolescentes.
    Pretendo ler o livro.

    ResponderExcluir
  2. Alguns alunos meus comentaram sobre essa série. Eu apenas havia lido a sinopse e algumas resenhas. Achei intrigante e preocupante ao mesmo tempo. Conversei muito com eles sobre o assunto, afinal são adolescentes.
    Pretendo ler o livro.

    ResponderExcluir

Blog no ar desde 08/11/2011

Blog no ar desde 08/11/2011